02 julho 2009

SUICÍDIO : VIVER VALE A PENA ?

Drauzio – Tive um paciente, um homem muito equilibrado, que depois de muitas crises de depressão entrou numa especialmente difícil, rebelde ao tratamento. Certa feita, ele me disse: Olhe, sei o que está acontecendo comigo. Estou num quadro depressivo. Já passei por isso outras vezes, mas este está especialmente difícil. Se for para viver assim, acho que não vale a pena. Para mim, o existir tornou-se insuportável.

Alexandrina Meleiro – Esse “existir não vale a pena” é um sintoma da depressão muito comum nas pessoas que atendo e eu procuro fazer uma aliança com elas. Peço-lhes um tempo para que possa reverter quimicamente o processo. Quando sentem que há esperança, que seu problema tem saída e solução, conseguem suportar essa fase terrível.

Com freqüência encontramos pacientes com doenças graves, em situação difícil, dizendo que não vale a pena viver assim. Vale. Quando a depressão começa a melhorar com o tratamento e tiramos o véu que cobre seus olhos, a solução aparece. No filme Philadelfia, há uma cena que me marcou e que costumo contar para as pessoas. O protagonista é um paciente com Aids, na época em que esses doentes eram muito discriminados. Num dado momento, ele se olha no espelho e fala: Não há problema sem solução.
Isso é uma verdade profunda. A solução existe, embora às vezes não a enxerguemos. Pode não ser a solução ideal, perfeita, mas é a possível naquela hora. Se houver flexibilidade para aceitá-la como se apresenta, veremos que a vida sempre vale a pena.

145 Comentários:

Anônimo disse...

Nao encontro motivaçao p viver nem na familia,nem na religiao, nao consigo sentir satisfaçao em nada que faço, soh um vazio enorme eh como se eu nao pertence se a esse lugar. Tenho ateh medo de morrer e levar junto essa dor que me consome, eh como uma sombra sempre do meu lado. O motivo de toda essa dor foi por causa da violencia fisica e psicologica que sofri na infancia. No passado foi aquele monstro, agora nao enxergo o monstro que me ataca, assim nao tem para onde fugir.

Anônimo disse...

Procure, confiar em si mesmo e em Deus, afinal viver é um bem precioso que nos foi dado, com relação ao passado não lembre para sofrer e sim para aprender a superar, tente fugir para amigos tente fugir para um lugar tranqüilo, mas viva a vida e dê motivo para dizer que pelo menos uma vez você foi feliz!

Anônimo disse...

eu naõ aquento mais essa vida, tanta gente melhor q eu morrendo e eu aqui, ao mesmo tempo sou muito covarde pra me suicidar. a vida ta passando sem q eu consiga vive-la. fico nessa angustia, sofrendo e fazendo outros sofrerem. ja procurei ajuda médica e não deu certo, não sei mais o que fazer

donizete bianco disse...

porque da vida ...é um mistério mas afinal tudo é misterioso então vou aproveitar cada minuto dA MELHOR FORMA POSSIVEL pois se morrer vou nascer denovo e assim sucesivamento não sou espirita mas sinto q já tive aqui de várias formas.
bom um abraço para todos e faça o q tenha q fazer e te vejo na próxima vida.

IsaMalfatti disse...

essa vida é um lixo... familia é uma grande trapaça na vida... morrer seria uma alegria........ nao vejo saida embora nao faça nada contra a vida pq meu filho nao merece essa maldiçao em cima dele.. deixe em cima de mim mesma

Anônimo disse...

Vivo m perguntando como viver? ou o q é viver?

Anônimo disse...

também sinto muita vontade de acabar com tudo. tenho uma arma ao meu lado e nao tenho coragem de dispara-la. mas, acho que essa coragem esta chegando. gostaria muito de ter vivido uma outra vida. nao sei porque DEUS me castigou com uma vida dessas. nao sei o que fazer...so tenho muita pena da minha filha, ela nao merece esse fardo eterno de saber que seu pai foi um covarde por nao ter tentado mais e mais. vou deixar as coisas acontecerem ate onde der...

Anônimo disse...

também sinto vontade de morrer, não consigo entender o por que de eu estar vivo, sou um lixo, não sirvo pra nada, não tenho talento nenhum, o tempo passa e eu n sei o que fazer da minha vida, não sei que faculdade fazer, além do mais, eu n tenho como entrar em uma, particular é muito cara, pública é super difícil, meu ensino médio foi um lixo, minha capacidade intelectual é um lixo tbm, só fiz coisas erradas até hoje, coleciono fracassos e desilusões, não consigo amar ninguém, nem família, não tenho amigos, não tenho e nunca tive namorada. Não entendo pq existo, não sei o pq de Deus ter me criado, ele me abandonou justo quando eu mais precisava dele, quando eu não podia me defender, e fui molestado quando criança, isso me destruiu por completo, me transformei num doente, tenho vergonha de me olhar no espelho, sinto muita tristeza, uma tristeza que chega a dilacerar meu coração, tbm sinto ódio, muito ódio de ser um inútil desgraçado, nem sequer digno de pena, quando morrer com certeza irei para o inferno, por isso n tenho coragem de me matar, mesmo Deus sabendo que fui vítima de um monstro na minha infância, ele n vai me perdoar, ele tem prazer em me ver desesperado, em agonia, essa é a diversão dele, sempre foi...
eu me odeio, pretendo me matar e odeio, ODEIO Deus!

Anônimo disse...

Essa eh pra vc...anônimo que postou em 11 de dezembro de 2010 15:44. Esquece... para de esperar... se existir mesmo um deus... ele não tás nem ai pra ninguem... somos formigas... aceita o fato... faça o seu melhor... e o resto eh o resto. a felicidade não existe de fato... não mora em nenhum lugar... eh apenas mais um dos estados de nosso humor! a vida não é mágica... a morte, muito menos... não existe céu ou inferno. morreu, fim! então faça o seu melhor... e arque com as consequências... eh tudo o que se pode fazer.

Anônimo disse...

Mauzinha...
Talvez todos vcs tenham razão em kda pensamentos,ja faz tempo que perdi a esperança de entender o pq ainda vivo, se meu desejo sempre foi morrer,ja tentei mais fracassei,não tive força o suficiente para não estar aqui,sinto prazer em ver o sangue das minhas veias mais ainda não me decidi,por mais q tente não consigo ir até o fim...As vzs ainda me pgto,enquanto uns querem tanto viver,eu peço muito a Deus,pra q me leve,mais ainda assim ele não me escuta,eu trocaria minha vida pela vida de alguem,sendo assim,se é que tenho coração ele não é ruim,ele só é triste,e não deseja mais viver,nunca desejou!Eu vago, pelas ruas sem sentido,sem saber oque pensar sem desejo de voltar,esperando q o pior acontece na rua,pedir a Deus tão pouco e ainda assim ser negado a uma problema alma q vive em desgraça é triste...É tão pouco o que peço...Nada alem de descansar,quem sabe dormir e não acordar,só descançar...Pai pq me abandonas-te no momento em que mais preciso?Talvez seja um sinal Deus não é Pai pra mim ele sempre foi Padrasto...
Bom saber q existe outros como,as vzs acho q só eu sinto essa dor...
POA - 17/12/2010...By Anjo Mau

Anônimo disse...

uma coisa q aprendi, é q n se pode julgar ninguém. estou no fundo tambem. in the very bottom. tudo o q quero é q n me julguem por nada. deixei de falar aos amigos, de sair com eles... há mais de 3 meses k tudo o k faço é ir trabalhar, e passo imensas horas a dormir. my head is so messed up. abuso no alcool, má alimentaçao, algumas drogas... enfim... namorada santa, que ainda está a meu lado. está mto, mto dificil.

Anônimo disse...

Eu estou com 22 anos e desde meus 15 pensar em suicídio passou a ser rotina pra mim, procurei profissionais no assunto, tomei antidepressivos e nada, ficava dopada, não sentia nada.. E realmente não sei pq eu nasci, todas as pessoas q gostam de mim eu tarto mal, nunca terminei nada na minha vida, meus namoros foram horriveis, nenhum deu certo e mais uma vez estou solteira e sofrendo mtoo!
Esse mundo é horrivel, todas as pessoas são cruéis, só pensam em si mesmo, tratam animais como se fossem lixo, não tão nem aí pra natureza, todos egístas, vivendo de aparência, as pessoas são lixo! E aqui com certeza é o inferno, as pessoas só vem pra sofrer, se decepcionar, nada dar certo e só os ruins se darem bem. Não sei mais oq pensar, meus dias são uma bosta, não faço nada pra melhorar, acordo tdo dia espraguejando por estar viva, tudo é mto dificil pra mim, só queria morrer.

carla disse...

ola.
tambem perdi a vontade de viver. sofri uma grande desilusão e acredito que as pessoas são mesmo más. não tenho coragem para me matar mas pareço um zombie na vida, o meu olhar é para o horizonte, trespassa tudo e todos. não escuto o que me dizem e deixei de querer sair de casa. Nada me alegra, nada me traz objectivos de vida. Desde que nasci todo corre mal na minha vida, nunca tive amigos e nunca fui verdadeiramente amada. E ers só isso que eu pedia, que se orgulhassem de mim e que me estimassem. Mas não. Sempre maltratada, destrezada e humilhada. E o que eu fiz? Em vez de ganhar auto-estima, baixei os braços e deixei de querer viver... Deixei de me querer vestir, deixei de querer comer, deixei de querer sentir qualquer sentimento. Sinto-me vazia e estou sempre a espera que o dia escureça para me deitar a dormir e esquecer tudo... Terei condições de ultrapassar os obstáculos que a vida me colocou. Não sei, só o tempo dirá...

Anônimo disse...

Já pensei muito em suicidio. Tenho transtorno bipolar e transtorno de personalidade. Tb sou adicta. Antes eu achava q a melhor solução seria a morte pra mim. Mas hj a minha maior vontade eh de continuar viva e provar pra todo mundo q me desprezou, q me humilhou, q eu tenho sim meu valor, e que eu posso tudo o que eu quiser. Quero um emprego melhor, muito U$, muito amor, uma familia,a familia q eu nunca tive. E hj eu tomo alguns remédios fortissimos e qdo fico down, como um chocolate. Mas Deus existe sim, e Ele eh dono de tudo e está no controle de tudo. Acreditem.

Anônimo disse...

Sabe penso todos os dias, as pessoas são muito interesseiras, pensam muito em dinheiro, não amam as pessoas como elas são, e acham que errar e fatal, mas que temos que ser corretos demais e tal...isso mim dói muito...to sofrendo tanto, queria morreer agora mesmo, mas nada...aff...

Anônimo disse...

Que merda é essa? tem um monte de gente fudida aqui e eu pensando besteira....

Vou é durmir viu?

Anônimo disse...

Eu só queriaa, morrer !

Dayane disse...

A depressão é o mal do século!

Antes de cometer qualquer "loucura" ligue 141 CVV - Centro de valorização a vida, ou acesse http://www.cvv.org.br/.
Sempre terá alguém disposto a te escutar sem julgamentos.

Estamos aqui por algum motivo, e temos que ter a coragem e a curiosidade de descobrir o porquê.

Fiquem na paz.

Anônimo disse...

Que bosta de artigo...

Anônimo disse...

Era uma garota feliz e alegre...de uns anos pra cá tudo mudou...pra pior! Perdi meu pai, meus avós e uma prima mto querida que sofreu 23 anos de uma doença rara e mto dolorosa(Epidermólise Bolhosa). Além de me sentir uma bosta tento me dar valor, descobrir o que gosto de fazer e ir atrás dos meus sonhos, mas não consigo...algo me puxa pra baixo! Me sinto mto sozinha, me afastei dos amigos, não consigo trabalhar, não tenho prazer em nada...Porém conheci o Espiritismo que me ajudou mto, hj leio mtos livros e frequento Centros Espíritas, tomo passes e rezo mto, acredito em Deus, no meu anjo guardião, meu guia...tudo depende de nossos esforços tb, não é tirando a vida que algo mudará, não é assim! Acredito que vai melhorar essa fase e tento evitar o pessimismo, façam isso tb, vejam o lado positivo das coisas, sei que não é fácil, não é fácil, mas a gente consegue!!! Quem tiver interesse vai num Centro Espírita perto de casa, conversa com alguém do centro, ninguém vai te cobrar nada...vale a pena!! Não me sinto 100% ainda, mas se não fosse o espiritismo tinha pirado e tirado minha própria vida...Fiquem com Deus!

Anônimo disse...

Dr. Dráusio
Viver vale a pena? Para quem?
Talvez valha para o senhor e para muitas outras pessoas. Mas não vale para mim e para muitas outras pessoas.
Pq o senhor está certo e não eu?
Cada um sabe de si e do que vale, ou não a pena.
Chega desses papos...
A sua conclusão de que sempre "vale a pena", é um posicionamento meramente subjetivo e pessoal. Não é uma verdade, mas apenas uma opinião.
Q pode ser defendida, mas não imposta.
Cada um decide, por si, se vale ou não a pena.
Nem todo mundo gosta de feijão...E isso significa que ele é ruím? Ou que ele é bom?
Não, apenas significa que ele é ruím para quem não gosta e que é gostoso para quem aprecia o prato.
A vida é também assim...Cada um sente um sabor...quem não gosta, não gosta. Quem aprecia, aprecia.

Anônimo disse...

Concordo co amigo de cima

Anônimo disse...

O inferno é aqui.Se vale a pena ,ou não ficar,fica a critério de cada um.Tenho TBH e estou ha cinco meses numa depressão q não me deixa fazer nada.Não aguento mais estes altos e baixos.Não sei porque ainda estou vivo,pois convivo com este sofrimento ha muitos anos.
Paz Profunda

Anônimo disse...

Acho que o artigo é válido para aqueles pessoas que estão desesperadas pensarem um pouco mais antes de tomar uma atitude drástica. Mas e quando a pessoa já passou dessa fase?;e quando resta apenas o vazio e a reflexão sobre o suicídio. Tenho depressão desde os 11 anos de idade, hoje tenho 25 anos. Já fiz terapia, melhorei durante algum tempo. Mas essa melhora nunca passou de sair do estado de desespero para um estado de indiferença. No artigo se fala que os problemas podem ser superados, mas o que fazer quando não há motivos para a tristeza? Lendo o relato das outras pessoas percebo que poderia me considerar uma pessoa de sorte. Amo minha família, faço a faculdade que eu escolhi (apesar de estar um pouco decepcionada com o curso), tenho um emprego. Além disso, existem pessoas que me consideram como amiga. O problema não é minha vida, o problema sou eu. Parece que eu não consigo me sentir à vontade em nenhum lugar do mundo, mesmo quando estou com meus amigos. Parece que mesmo quando as coisas dão certo não consigo vivê-las.
Atualmente estou refletindo se me suicido. Já até li um livro que lista remédios que podem ser usados para isso. Agora estou pesando os prós e os contras. Gostaria que, caso me decidisse pelo suicídio, minha opinião fosse respeitada como válida.

Anônimo disse...

tentei o suicidio varias vezes. to no maior horror. Tenho vergonha de mim! Nao consigo levar nada adiante. td q começo, nao termino. Sou 1 fracassado. Nao tenho jeito. Nada mais vale a pena.

Anônimo disse...

Na adolescência tive um surto depressivo severo. Foi uma coisa horrível, me sentia sem chão. Fiz tratamento psiquiátrico durante uns dez anos. Melhorei um pouco, mas a grande dor nunca me deixou. Trabalhava com a família e procurei estudar. Fiz duas faculdades, mas por fim não consegui me encontrar em nenhuma profissão. Fui usado por meus irmãos - num momento de grande fragilidade e doença - que sujaram meu nome, uma dívida impagável. Eles acabaram ficando muito bem por conta disso e se distanciaram de mim. Quando soube deixei de trabalhar para eles. Não tive coragem de processá-los pois meus pais já estavam muito idosos e morreriam de desgosto, o tempo foi passando. Minha mãe veio a falecer e depois meu pai caiu doente. Eu sofria ainda a perda da minha mãe e passei a cuidar do meu pai, foi assim até seu último suspiro. Hoje me vejo envelhecido, depressivo e sozinho. A família trava uma batalha pelos bens deixados por meus pais - não é muita coisa - e eu vivo de escanteio. O pouco que eu tenho é utilizado para minha sobrevivência, já que tenho medo de tudo e pouco saio de casa. Não tenho amigos exceto um, contudo, não acredita na minha doença e me critica demais, talvez na tentativa de me ajudar. Penso muito em suicídio e cheguei mesmo a tentar. Não sei o que virá. Mas o sentimento de não ser útil e não ter conseguido administrar bem minha vida é uma dor que levo na alma. Aqui estou diante dessa máquina dizendo um pouco do muito que vivi. Não sei se há saída, até porque a idade também não ajuda. É difícil! Talvez seja fácil para quem está de fora. Vejo pessoas vivendo suas vidas com normalidade - é certo que elas possuem inúmeros problemas - mas ter medo de tudo, é horrível! Não se sentir apto para nada! Sentir-se um inútil, é insuportável! Desculpem-me pelo desabafo. Espero que haja uma luz para minha vida. Encontro-me aqui vazio e ao mesmo tempo com medo. Com medo e solitário. Solitário e consciente de que ninguém se importa. Nem mesmo eu! Olho para trás e sei que há muitas outras pessoas vivendo situações de grande aflição na vida, seja por estarem desempregadas - como estou - seja por motivo de doença ou outros e me sinto tão mesquinho, tão monstruoso. Mas não tenho força para reagir! Todos os dias acordo e espero o dia passar, digo, cumpri mais um dia. O sentimento que prevalece no momento - entre tantos outros - é o de vergonha de si mesmo!

Anônimo disse...

A vida vale a pena quando está tudo dando certo, não vale só quando você cai num buraco, Olha para todos os lados e não vê uma mão para segurar; Se você está bem as pessoas procuram ficar perto de você e se não elas simplesmente viram as costas e vão! Elas não sabem o que está se passando dentro de você! Elas não sabem qual é a sua dor! Elas só te olham e veem um rosto abatido e sério, que pessoa vai querer ficar perto de você assim também? É por isso que elas se afastam, e o pior é que sem outras pessoas Nós sozinhos não somos nada ! Ninguém é super feliz Sozinho!
Estou aqui refletindo, acabei de discutir com meu Pai ele desde que eu me conheço por gente , teve momentos em que me fez sentir feliz mas em compensação as vezes as palavras dele me fazem pensar : Eu quero morrer, assim acabo com todos os problemas que causo a ele, outro dia ele comentou que precisa comprar uma pistola, ele é policial militar aposentado então tem acesso a essas coisas, eu me imaginei hoje aqui... Estava fazendo um trabalho da faculdade e ele me xingando por que eu ''não tinha feito almoço'' eu acho isso o cumulo ... ele mesmo gasta 500 reais por mês com isso então tudo isso se acumula em mim com uma culpa muito grande, grande de mais pra mim. Tenho apenas 21 anos que acabei de completar em agosto...
Eu acredito que Deus existe e sei que o maior dom que ele nos deu foi a VIDA. Seja éla de sofrimento ou não, se ainda estou aqui com certeza tem um proposito vou curtir a minha dor aqui sozinha um pouco até que éla passe , me recolhendo em lagrimas e me escondendo o rosto se alguém aparecer neste quarto.
A tristeza é o pior dos sentimentos, o vazio falta de Oportunidade.
Mas Quem quer fazer alguma coisa, encontra um MEIO...
Quem não quer fazer nada, encontra uma desculpa!
Por isso eu escolho VIVER e fazer alguma coisa mesmo que pequena, se eu quero ser olhada com carinho vou procurar olhar o próximo com carinho também se resolver tudo bem se não ...
Eu não desisto , mudo de estratégia !

Anônimo disse...

Sinto desde da minha infancia um enorme vazio, como se eu nao fizesse parte desse mundo.....me conside lo a injustiçada pelo o universo tudo por conta daquele monstro......fui agredida psicologicamente e fisicamente......quase q diariamente e por anos.....e pior meus pais nada fizerao por medo de sofrer agressao....

Anônimo disse...

Sempre fui uma pessoa alegre, feliz, mas, de uns anos para cá sento-me muito mal, uma tristeza muito grande... Mas mesmo assim, me dedico a ajudar algumas pessoas e isso me diexa melhor...

Anônimo disse...

oque é viver? oque é Deus? ele existe? quemm sou eu? por que estou aqui? ... essas são as perguntas basicas que ja tentei responder por meio de varios caminhos... tanto a filosofia,fisica,psicologia,teologia... mais não adianta... a morte para mim se tornou algo tentador... a solidão nada mais é que minha comphaia de todos os dias... e ainda vem gente falar dizendo '' VOCÊ PRECISA DE DEUS!'' deixa de conversa afiada eu ja fiz muita coisa por ai em nome de ''DEUS'' porem ele só me tras sofrimentos... ''é você mesmo que faz sofrer...''... não! não sou eu odeio isso... eu sou jovem mais minha visão pareçe beirar os 90anos... jovens iguinorantes que buscam idiotices se alimentam de tolices de dia e de noite... pra quer viver? se posso morrer? muitos a temem mais para mim ela é como uma noiva que eu espero chegar que quando ao ve-la morrerei com sua beleza... pois bem! nada nesse mundo fuciona... os maus se dão bem enquanto os bons morrem... ate a biblia diz que quem morre é mais feliz do que os que continuam vivos(eclesiastes)... garotas? na minha idade aos 19,20 anos... não são garotas ou sereshumanos são animais! usam joias fedem a vaidade, e são cascas ocas... não tem sentimentos nenhum! ... esse mundo esta perdido...pois bem ja tentei me matar algumas vezes... porem tudo da errado... Deus? ele é um cara legal ele só me mantem vivo para me castigar pois seria muito bom eu morrer e pronto... mais não vamos viver mais um pouco e sofrer... e esperar a minha noiva chegar para eu morrer com sua beleza... qual é o nome dela? não seria MORTE? como ela é bela...

Adeus...

Anônimo disse...

oque você mais deseja? ....
-eu?... ah... eu queria a MORTE! ela me aliviria,me satisfazeria,me consolaria,me tranquilizaria... ela me faz descansar em paz...

como é bela essa dona MORTE! espero um dia beija-la!

Anônimo disse...

Estou farto de tudo, é bem verdade! Como minha vida se tornou esse inferno? Eu sei! Eu deixei de me amar e ao não me amar, amei! O sentimento que eu nutri por uma outra pessoa hoje sei, não era amor e sim falta de amor por mim. Paixões! Vaidades! Essa é uma receita infalível para falir a própria vida.
Preciso dizer: Amem o seu próximo, mas amem primeiramente vocês mesmos, caso contrário, essa empreitada será impossível!
Não sejam egoístas, mas não entreguem sua felicidade aos cuidados de uma outra pessoa, ela pode não cuidar bem do que é um direito seu.
Procurem o equilíbrio!
Sejam bons com os outros mas não permita que isso lhe prejudique a ponto de você não ser bom a você mesmo.
Sejam simples mas não simplórios. Cuidem-se, pois ninguém fará isso por você e se fizerem talvez não façam tão bem quanto você próprio poderia fazê-lo. Lembrem-se, a vida é sua! E você terá que aceitar isso! Não entregue esse bem maior à ninguém.
Amizade é algo muito bom quando já aprendemos o que é a solidão e já somos capazes de conviver com ela.
Duvide daqueles que vivem lhe elogiando quando você próprio sabe que não é merecedor de elogios. Eles podem estar querendo algo valioso de você, não se deixe enganar.
Saibam que o remédio numa dose cavalar é um veneno, isto é, tudo o que é excessivo não é bom.
Não aceite nada que seja fácil demais pois o fácil é terrivelmente difícil, acreditem! Morrer não é a solução, é fim!
Todos aqui estamos sofrendo, é certo, mas antes de apontar que alguém é o responsável pelo seu sofrimento, reflita, você de alguma maneira permitiu isso.
É preciso saber dizer não! É melhor dizer não do que suportar as consequências de um sim contrariado.
Respeitem todas as pessoas para ser merecedor de respeito! Mas antes, respeitem-se!
Trabalhem com aquilo que você possui e não com o que pertence ao outro, isto é, valorize-se.
Respeite o outro mesmo que você não o ame.
Não queira o que não lhe foi dado ou o que você próprio não conquistou, é um erro!
Seja você mesmo e não tenha vergonha disso. Não queira ser o que você não é, isso rouba sua energia.
Entre pela porta da frente para que você possa sair também por ela.
Não queiram agradar a todos, não logrará êxito e irá desagradar a si mesmo.
Busque ser autêntico e sincero, mas nunca rude. A verdade só é boa se estiver a serviço do amor!
É melhor ouvir do que falar. E quem aprendeu a ouvir falará com propriedade.
Talvez não seja possível ser feliz o tempo todo, mas podemos cultivar a paz o tempo todo.
E não adianta, plantou? Irá colher! Então plante coisas boas.
Procure ajuda quando precisar, mas de pessoas verdadeiramente aptas para isso.
Na medida do seu possível, ajude também!
Conviva com todos sem que isso signifique perder suas próprias referências.
Veja muito bem com quem você anda isto falará mais de você do que possa imaginar.
Tenha como seu melhor amigo/a o conhecimento e um ofício, trabalhar é sempre o melhor remédio.
O conhecimento nunca é demais, mais saiba, ninguém sabe tudo e é preciso ter humildade para aprender.
Não queira ser o dono da verdade, a verdade é dinâmica e muda com o passar do tempo.
O passado é algo que também muda, portanto, faça do dia de hoje o início de um passado que você possa orgulho de ter tido.

Eu aprendi tudo que escrevi aqui um pouco tarde, continuo tentando, é verdade! Espero que isso lhe sirva de alguma forma, se não lhe servir não há problema algum.

Obrigado pois esse espaço alivia muito nossas - pelo menos a minha - dores emocionais a medida que a gente escreve, mais para nós mesmos na verdade. Disse um pouco do muito que pretendo aprender! Não tenho a pretensão de dizer o que alguém deve fazer, longe disso, e sim, de aprender o que imagino que devo fazer para viver melhor.

Anônimo disse...

A vida até pode valer a pena.
Mas eu é que não valho porra nenhuma.
A vida é boa, mas não consigo aproveita-la.
Sinto-me frustrado e desanimado frente a minha incapacidade.
Vejo muitas pessoas q conseguem lutar, batalhar, não desistir.
Mas este não é meu caso.
Sou um fracasso.
Tive oportunidades e, de repente, sem nem eu mesmo saber porque, abandono tudo.
Sou fracassado e fim.
Não há o que ser feito.
Comprei veneno e vou me matar (só espero que eu consiga morrer).
Já tentei o suicídio uma vez e não deu certo. Agora tem que dar.

Anônimo disse...

Não morra para a vida e sim para o sentimento de morte. Não faça nada contra a sua vida pois ela é seu bem maior! Cuide-se! Você irá vencer! Acredite! Estar vivo já é ser um vencedor! Morra para as ideias de morte e nunca para a vida! Viva! Lembre-se que é preciso ser forte! Lute! Morra de vontade de viver! Viva!

Anônimo disse...

quero morrer , minha vida não tem sentido, não tenho trabalho, não vou conseguir estudar, não tenho um amor e tudo não sem sentido apenas meu filho o qual não vou poder dar o necessário para que possa viver diginamente, sofri demais com alguém que ferrou minha vida , apenas me deixou u filho e fechou as portas do meu coração, não consigo amar, não consgo me relacionar para qe existir e não sou feliz.........

Anônimo disse...

Ter um filho já é mais do que um motivo pra você viver, é o seu maior motivo! Você não está sozinha como pensa, você têm seu filho! Ele é o seu grande tesouro e lhe trará muitas alegrias! Não o abandone! Você precisa reagir e viver! Viva! Essa fase difícil que você está vivendo é passageira, acredite! Viva!

Anônimo disse...

Tomara que seja não tenho coragem de acabar com a minha vida só por isso ainda não fiz, mas peço a Deus que me leve pois ta dificil a batalha e não consigo acreditar que possa melhorar.

Anônimo disse...

Nunca tenha coragem para acabar com sua vida e sim coragem para viver! Tenha fome de viver! Tudo irá melhorar na medida que você mudar sua maneira de pensar. Pense positivo, sei que não é fácil, e mais que isso faça tudo de maneira positiva, com amor. Cuide-se! Por estar sendo difícil agora é que o sabor da vitória será maravilhoso! Você irá vencer! Acredite, irá vencer! Viva pra valer! Viva!

Anônimo disse...

Vou me esforçar, ao meu máximo afinal olhei para meu filho e vi um sorriso lindo, e pensei que não era justo.... vou tentar reconstruir e viver.

Anônimo disse...

Obrigada

Anônimo disse...

Irá reconstruir sua vida e será muito feliz, tenho certeza disso! Você é forte e não se deixou levar pelo desespero. Tristeza é algo que todos nós sentimos, mas não podemos nos estregar a ela. Olhe sempre para o sorriso do seu filho, ele é um alimento para sua alma e lhe fará cada dia mais forte! Muito sucesso e muita paz!

Anônimo disse...

estou em um caminhao sem volta , vc so vale nesta vida o que tem, ou melhor s vc nao tem dinheiro nao vale nada, as pessoas nem chega quado vc fica sem dinhiro perde tudo as pessoas vao se afastando de vc , como si fosse um bicho excluir vc da sociedade.estou consada desta vida de agustia, tudo que tenho e minha filha , para quer vivemos nesta vida que so traz sofrimento. ja nao fiz tantas coisa por causa da minha flha, amo tanto tanto que todas as noite choro com ela no meu colo, nao sei pra onde vou oou fico... no aguento mais dempender dos outros para me ajudar........ fim

Anônimo disse...

tenho 18 anos e nao quero mais viver nao tenho animo pra nada e tenho medo de me matar e sentir dor ou dar dor a minha mae e namorada começo mais ou menos aos 11 anos quando comecei a morrer aos pouco problema financeiros en casa e brigas com minha mae e parentes que sempre me julgarao malsempre trabalhei desde os 12 anos nunca fui bom em futebol e nen na escola mas sempre fui bom em percebeer as coisas sempre fui quieto nao converso muito e acho que foi isso que me atrapalho no convivio familiar e uns 8 meses pra tudo pioro entrei no quartel eas pessoas de la acham que sao donas da gente nos prende sem motivo nos humilha e ja nao aguento mais ontem estava de serviço e machuquei o joelho e eles acham que eu estava fingindo e nao queriam me deixar embora queriam que eu ficasse ate quarta eles acham que nois nao temos sentimentos saudade de casa familia mae namorada eles nao entenden nao dao a minima para o que pensammo , tomei cerca 25 remedios que tinha e peguei dos outros soldados mais nen se quer me deu confunsao so queimaçao no estomago meses atras estava de guarda e engatilhei o fuzil e coloquei de baixo do queixo mais nao tive coragen talvez por causa da dor ou mesmo ter que sabem que no meu velorio estaria desfigurado sinto uma dor dentro de min um fazio tenho uma mae mae trabalhadora e minha namorada e linda e e fiel a min mais me falta alguma coisa que nao sei dias atrais li um livro do paulo coelho .veronika decide morrer,e acabei me apaixonando pela personagem principal talvez me endentifiquei com ela quem me dera ter conhecido alguem como ela , acho que nasci na epoca errada vejo as pessoas sou diferente sinto compaixao eas pessoas do mundo nao dao a minima para oque esta acontecendo pessoas morrendo matando jovens matando traficando nao dao minima para a familia as vezes queria ser igual aos outro e rir das disgraças da vida ou fingin estar sempre bem . me sinto inutil........

Anônimo disse...

Estou muito triste hoje! Espero que dias melhores venham... Minha vida anda terrível, está tudo tão complicado. Que Deus olhe por mim e por todos os aflitos...

Anônimo disse...

Continuo muito mal... Deus tenha piedade dos aflitos.

Anônimo disse...

Deus ilumine a vida de todos nós que estamos aflitos e que a partir de hoje possamos nutrir a esperança de dias melhores - renasça em nós - conforme a vossa vontade. Faça com que sejamos fortes a fim de enfrentarmos todas as adversidades da vida e se for da vossa vontade, nos livre das adversidades e nos dê a vossa paz, a paz do vosso filho e Nosso Senhor Jesus. Tenha misericórdia de nós e ilumine nossos corações e nossas mentes. Faça com que nossas vidas siga repleta de paz e amor. Espero ainda um dia poder sorrir com a alma, da forma mais verdadeira! Exalte os humildes e os aflitos! Espero em vós meu Deus! Dai-nos a vossa paz e ilumine os nossos caminhos - vos que sois o nosso pastor. Que a vossa divina presença esteja conosco. Tudo vos suplico Deus eterno e todo poderoso em nome do Nosso Senhor Jesus Cristo, vosso filho e nosso salvador - que hoje celebramos o nascimento - na unidade do Espírito Santo que nos santifica. Amém! Deus tenha piedade dos aflitos! Venha em nosso socorro e nos livre de todo o mal, por Cristo Nosso Senhor, Amém! Venha Senhor nosso Deus e entre em nossos lares, nos nossos corações, nas nossas vidas e na nossa alma. Tenha piedade dos desamparados, dos desempregados, dos excluídos, dos órfãos, dos idosos, dos doentes, dos que vivem nas ruas, dos humilhados, dos empobrecidos, dos marginalizados, dos que vivem em situação de violência, dos sem paz e de todos os que suplicam a vós nosso Deus único e todo poderoso, senhor do universo. Venha Pai eterno e todo poderoso, habite em nós, e faça milagres em nossas vidas, nas vidas dos que perderam a esperança e a alegria de viver. Faça-nos levantar e andar! Extirpa todo mal da nossa existência - todos os maus pensamentos e ações - e nos ensine a amar. Livra-nos do desânimo! Venha Pai, venha! Venha Nosso Senhor Jesus, venha! Somos vossos, cuida de nós! Amém! Obrigado Pai e obrigado Jesus, agradeço vossa misericórdia e vosso amor por nós - aflitos - e espero tudo em vós. Amém.

Anônimo disse...

Muitas vezes me deparo olhando pro nada, completamente absorto no vazio de meus pensamentos, na realidade minha mente nao esta vazia, penso em mtas formas diferentes de acabar com a dor que esmaga meu peito. Gostaria mto de poder deitar minha cabeca a noite no travesseiro e nunca mais acordar, a dream come true!
Sei que minha familia me ama mto e estarao sempre ao meu lado pra me apoiar e me ajudar, mas a realidade eh que nao consigo ver como eles poderiam me ajudar.
Nao tenho medo de acabar com minha vida, simplesmente estou resistindo ao maximo pq sei que minha familia nao merece esse sofrimento e de nada valera eu deixar um bilhete dizendo que eles nao tem culpa nenhuma por minha morte, sei que eles, principalmente minha mae, ira se culpar achando que se tivesse agido de alguma forma diferente, poderia ter evitado. Isso eh o que me mantem vivo, nao quero causar ainda mais sofrimento do que ja causei para as pessoas que eu amo e me amam tbem.
Simplesmente perdido, confuso e esperando que esse sofrimento inexplicavel que sinto acabe logo, que Morfeu me tome em seus bracos e me leve junto pra nunca mais acordar.

Anônimo disse...

Deus de misericórdia, Senhor nosso Pai, Divino Pai Eterno, livra-nos de todo mal e dai-nos a vossa paz! Ilumina nossas existências e faça com que vossa sabedoria nos guie pelos caminhos certos. Esteja conosco - aflitos - e livra-nos dessa aflição que corrói a nossa vontade de viver. Derrama sobre nós o seu amor. Faça com que tenhamos vontade de viver, sede de viver e que esses pensamentos de morte sejam extirpados da nossa mente. Livra-nos de todo e qualquer mal. Por Cristo Nosso Senhor. Amém.

Anônimo disse...

Gente por favor me ajudem,eu quero dicas de como morrer,eu ñ posso comprar uma arma e nao posso pular de um predio pois nao moro em um,quero outras maneiras de morrer rapidamente sem nem ter chance de dizer ''ai''

Anônimo disse...

Projeto fênix.

Talvez essa seja a oportunidade de saber!


O projeto fênix é meio simples e concreto de saber se o suícidio é realmente a melhor escolha. Para ser realizado o protagonista deve passar por três etapas:

1 Primeira etapa: A lista.

Lista deve conter 5 acontecimentos a serem concretizado pelo protagonista.
Os requizitos são simples:
*Você não pode ter feito nenhuma delas antes.
*Você deve consideralas extremente difícies, porém não arriscadas ao extremo.
*Quatro delas devém ser feitas a curto praso.
*A ultima deve ser feita a médio ou a longo prazo.
Segue os explos:
A curto prazo.
Roubar algo de pouco valor de uma loja grande (tenha dinheiro consigo, caso não seja bem sucedido).
Falar com todas as pessoas pelas quais você sentir qualquer forma de atração física.
Brigar com alguem que esteja realmente disposto a brigar.
Vender suas coisas e gastar seu dinheiro com coisas que te divirtam.
A médio ou longo praso.
Entrar a na justiça contra alguém.
Fazer um curso de idiomas presencial.
frequentar uma igreja(nem que seja só por frequntar).

Anônimo disse...

2 segunda etapa: As pessoas.
Deves conhecer pelomenos 8 novas pessoas, que não te deixe desmotivada, e ter atividades esportivas com elas.
Exemplo: Natação(se não sabe aprenda), artes marciais...
Converse sobre sua ideia de suicidar-se com elas. saia acompanhado com elas.

Anônimo disse...

3 terceira etapa: O Salto.

Se na terceira e ultima etapa você ainda possuir a ideia de suícidio. A ultima etapa será como um ensaio pra você.

Deves ter uma quantia considerável consigo.


Deves fazer um salto individual de paraquedas.

Procure uma escola de aviação proxima e contrate o serviço. se não existir em sua cidade, vá para outra e o faça.
Este é o ensaio.

Se queres realmente morrer, não custa nada tentar concluir as três etapas.

Anônimo disse...

Deus de misericórdia, Senhor nosso Pai, Divino Pai Eterno, livra-nos de todo mal e dai-nos a vossa paz! Ilumina nossas existências e faça com que vossa sabedoria nos guie pelos caminhos certos. Esteja conosco - aflitos - e livra-nos dessa aflição que corrói a nossa vontade de viver. Derrama sobre nós o seu amor. Faça com que tenhamos vontade de viver, sede de viver e que esses pensamentos de morte sejam extirpados da nossa mente. Livra-nos de todo e qualquer mal. Por Cristo Nosso Senhor. Amém.

Anônimo disse...

acho que antes de mais tudo o que leva ao suicídio é um motivo..
Quando tinha 12 anos tentei me matar pois a minha vida não estava fácil era uma excelente aluna e de repente n sei como mas tornei me numa das piores alunas,nessa precisa altura tinha um namorado que acabou por acabar comigo o que me deixou ainda mais em baixo e para acabar com tudo os meus iam se separar..
naquela altura lembrome que a unica coisa que sentia era revolta e só pensava porque a mim?...
Começai a procurar pessoas na internet com quem pudesse falar e desabafar mas que não me conhece-sem para que não sentissem pena e me trata-sem como uma coitada..
Arranjei um Amigo chamado Filipe que me aconselhou o suicídio disse que se estivesse no meu lugar nem pensava duas vezes, eu disse lhe que já tinha pensado nisso mas que queria uma maneira de morrer sem sofrer então ele disse para eu agarrar numa caixa de comprimidos á noite que a toma se mesmo toda, então eu nessa noite tomei 38 comprimidos
nessa noite nem dormi com as dores de barriga acho que deus estava comigo acho que ele salvou me, eu nessa noite já desesperada forcei o vomito e assim foi lembro me que levei três dias a vomitar quando me lembrava disso..
Apesar de tudo ainda achava que não fazia cá falta, começai a ter um problema psicológico achava me gorda o que levava a vomitar a seguir ás refeiçoes..
ate que um dia desmaiai na escola por falta de açúcar no sangue..
Os meus amigos começaram a desconfiar ate que uma colega se dirigiu á sala dos professores dizendo que eu todos os dias a seguir do almoço vomitava, a minha mãe acabou por se aperceber da situação e começai a ter apoio psicológico..
hoje em dia estou muita grata a essa minha colega e aconselho a todas as pessoas que por muito que seja o problema que tenham a morte jamais sera a sulução pois os problemas existem para serem enfrentados e só os fracos viram as costas hoje considero me uma mulher forte e poderosa

Anônimo disse...

Quando eu tinha 17 anos, estava na minha sala de aula, passei a gostar de uma colega de aula. Ela era muito extrovertida, alegre, bom relacionamento com todos. Modéstia à parte, sempre me achei bonito, mas um adolescente meio tímido. Um dia, essa moça me humilhou em sala de aula,na presença de todos os alunos e do professor. Eu não sabia para onde correr, onde enfiar a cabeça, fui motivo de gozação por mais de um mês. Só sobraram dois amigos (verdadeiros amigos até hoje) para me consolar. Até hoje procuro me afastar daquela lembrança terrível, carreguei esse fardo por mais de 20 anos, o meu relacionamento social que já era meio ruim ficou seriamente comprometido, resquícios daquela mancha ainda parecem impressas na minha alma.

Só não me matei porque confiei em Deus, pedi muito à Jesus prá me tirar do fundo do poço. Sofri de depressão profunda, mas Ele me ajudou a encontrar o médico certo, consegui sair do buraco. Sempre que relacionei esse sofrimento ao Calvário de Cristo, me senti envergonhado ao ao ler a Bíblia. Me convenci que aquele era o meu Calvário, um sentimento mísero perante o sofrimento d'Ele pela humanidade. Então, foi Ele mesmo que me amparou.

Consegui me levantar, hoje sou Agente de Polícia, consegui me casar (na época nunca pensei que pudesse sequer arrumar uma namorada), tenho uma esposa e três filhos maravilhosos, sou feliz. Nunca faltei uma Missa aos Domingos, sempre confiei em Deus e ofereci meus sofrimentos às almas do Purgatório.

Nunca percam a fé em Deus, NUNCA!!! Pode demorar, mas quando se sofre com amor e com confiança no Pai Eterno, a recompensa vem à tua porta.

Ao ler as mensagens de desespero aqui postadas, me deu vontade de chorar. Não percam a fé, amigos. O preço que Jesus pagou por nós, foi o Seu Calvário, o seu sangue na Cruz. Quando o sofrimento bater à tua porta, abraça tua Cruz com carinho, assim como fez o Mestre.

Anônimo disse...

eu quero viver

Juliana disse...

Cansei desses duscursos humanistas. Cansei de dizerem que a vida vale a pena pelas belezas naturais, pelas coisas simples, por um abraço, um beijo. Isso é muito otimismo. A vida não vale a pena. Nem todo o problema tem solução. É justamente por causa desse otimismo utópico em relação à vida que as pessoas entram em depressão. Porquê se frustram com as decepções, a verdadeira realidade. Quando no fim dá tudo errado, vem a doença, a morte, a dívida, a fome, o sofrimento, a pessoa cai em si que a vida não vale a pena. Não julgo os depressivos. Eles simplesmente encontram-se cansados de continuar com essa palhaçada toda que é viver. Esse discurso incoerente do tipo "No fim dá tudo certo" é a maior que ouço diariamente. Creio que ouço essa infantilidade uma duas vezes por dia. As coisas não tão simples pra se resumirem em uma simples frase otimista. A vida da maioria das pessoas não vale a pena e ponto final. Me poupe de acordar cedo, trabalhar para comer, ter que agradar os outros, socializar-se, ter uma boa aparência, ser obrigado a obter certos conhecimentos que não me interessam tanto, ver injustiças, se privar de alguns alimentos, ter doenças, esperar, envelhecer.. Enfim, isso tudo não vale a pena! Cansei de discurso infantil acerca dessa merda toda que é a vida! O modo como vivemos atualmente é sufocador! E não estou falando da vida urbana apenas... As outras vidas devem ser chatas também.. Ser índio deve ser chato, ser cachorro também... Enfim, cansei.

Anônimo disse...

Ola
Sou um suicida desde a infancia, mas naquela epoca nao percebia isso.
Ja na infancia, quando algo nao dava certo, tomava dramim para poder dormir e nao ter que encarar os problemas de frente.
Desde mt pequeno, nunca encarei as coisas de frente (sempre fugi).
Meus pais sempre me super-protegeram e acredito que isso é que me tornou emocionalmente invalido. Invalido sim pois nao tenho capacidade para lutar por meus sonhos e para enfrentar as dificuldades da vida.
Meus pais resolviam meus problemas e, por isso, acho que nao aprendi a resolver.
Tenho a sensaçao que a maneira como fui educado na minha infancia determinaram a porcaria que sou hoje. Porcaria que - por infinitas vezes tentei superar. Mas, quando me vejo, repito sempre o mesmo comportamento.
Minha primeira tentativa de suicidio foi ainda aos 17 anos, quando percebi que nao conseguiria passar no vestibular de medicina.
Sonhava ser medico, mas sempre estudei em escolas ruins que jamais me deram uma base boa de ensino.
Quando fui estudar para o vestiba, percebi que nao tinha capacidade para passar no vestibular de medicina (pois nao entendia nada do que os professores falavam no cursinho). Ate tentava estudar, mas tinha dificuldades em entender a aprender aquilo que era ensinado no cursinho.
No mes de agosto, quando percebi que nao passaria no vestiiba de medicina, tentei o suicídio (de modo ridiculo e ineficas), mas tentei. Minha primeira tentativa de suicídio foi realizada com a ingestão de 20 comprimidos de dramim (imaginei que a dose era tao grande que seria impossível eu acordar).
Lembro, como se fosse hoje, que acordei cambaleante uns 2 dias depois e fiquei frustrado, porque nao tinha conseguido morrer. Minha familia nunca soube dessa minha tentativa pois eu morava só, e havia dito que iria viajar para a xacara de um amigo - e naquela epoca nao existiam celulares.
Aos 18 anos fiquei diabetico.
Fiquei feliz com tal fato pois isso me permitiria morrer. Resolvi entao deixar de tomar insulina.
Fui para o hospital infinitas vezes e sempre me faziam sobreviver (as pessoas nao imaginavam que eu deixava de tomar insulina com o objetivo de morrer - sequer imaginavam que eu deixava de tomar insulina). AS pessoas achavam que eu era revoltado por ser diabetico (nunca fui revoltado por ser diabético).
Era revoltado por ter de viver e de não conseguir lutar pelos meus sonhos. Morrer seria bem mais facil.
Quando descobri que nao morreria por nao tomar insulina, resolvi morrer tomando insulina.
Tomei uma overdose de insulina (10.000 unidades de insulina). Infelizmente um infeliz de um parente foi me visitar e me pegou inconsciente em casa. Ligou para o resgate e eles conseguiram, depois de muitas tentativas, me acordar. Fui para a UTI e fiquei la, mais de uma semana tomando glicose na veia ate que toda a insulina deixasse de fazer efeito. Durante uma semana tomeis glicose sem que fosse necessário tomar insulina. Até hoje amaldiçoo esse meu parente intrometido que me impediu de realizar meu sonho (que é morrer).
Acabei nao conseguindo passar em medicina e entao resolvi fazer vestibular para outro curso. Virei advogado e tentei estudar para o Ministerio Publico (mas nao consegui perseverar nestes estudos - como nao consigo perseverar em nada). Sou um absoluto fracasso. Nao sei porque as pessoas insistem em querer que eu viva, se eu nao quero viver.
Ja fui casado, mas nao quis ter filhos e isso fez com que acabasse me separando.
Como posso por alguém nesse mundo se acho que viver nao vale de nada? Apenas colocarei alguem para sofrer.
Penso em tentar me matar novamente.
EScrevo aqui apra dizer que quero morrer e que nao existe pessoa ou fato que me faça desistir desse meu objetivo.
Sou um fracasso e a unica coisa boa e util (para mim e para a humanidade) que vislumbro é o fim de minha vida.
Quero morrer! PRECISO MORRER!
POR FAVOR ME DEIXEM MORRER!
EU SOU UM PORCARIA! UMA BOSTA!
Desejo apenas morrer! Algo que vai acontecer com todas as pessoas do mundo!

Anônimo disse...

não aguento mais, eu quero morrer faz tempo, angústia crônica, choro todo dia, pior hora é quando vou dormir, e pior ainda é quando acordo uma angústia horrível, trabalho pra caramba sustento meus pais mais eles não estão nem ai acho que eles acham que é obrigação, tenho uma irmã casada que não ajuda em nada, ela tem raiva odio de mim não olha na minha cara isso me faz sentir um lixo, perdi minha juventude ,sou solteiro por causa dessa pressão de ganhar dinheiro eu quero dar a volta por cima e sempre estou enrolado financeiramente mas vou levando já são 18 anos meu pai quebrou e teve um derrame minha mãe não entende nada e quando estou muito depressivo ela já me chamou de fracassado, ai fudeu pirei 2 anos porra eu não aguento mais eu não consigo me olhar no espelho, tenho sentimento de culpa, não consigo ficar no meu corpo, não aguento mais,só vejo filho da puta na minha frente e ai para quem le parece viadagem mas e foda e agora fico maquinando como suicido tiro veneno mas ao mesmo tempo penso nos velhos e foda se não fosse isso já era. não sei nem como cheguei nesse site e escrevi meu sofrimento, mais foi bom desabafar, vou levando até onde der mais esta para estourar

Anônimo disse...

Oi, vc que postou no dia 15 de julho, me perdoe, mas eu ri aqui com seu depoimento. Em meio à suas tragédias pessoais, você consegue descrever com uma certa graça, embora tenho quase certeza que no momento que estava digitando, não estava querendo arrancar sorriso de ninguém.
Meu caro, pode ter certeza que não é um fracasso coisa nenhuma. (Karaka, como vai ter essa certeza, se sente assim, não é verdade!?)
Se você se analisar, sem sentimento de autopiedade, verá o quão bom tu és.
A vida é de muitos momentos. Mtos mesmo. Nem sempre conseguimos vencer todos. E as vezes, até mesmo outras situações mto parecidas, voltem assombrar. E aí?? Sim!!! Eu tbm, me pergunto 'por que', 'por que comigo', e sentimentos de impotência e tristeza acomete. Normal. Mto normal. E pode até ser, que se passe uma vida inteira assim, de altos e baixos. Dias bons, dias ruins. E aí?? Morrer é a solução mesmo?? E a vida espiritual, você acredita nela?? São tantas e tantas coisas... Melhor mesmo, é arranjar forças não sei de onde, levantar e dar a volta por cima. Nem que precise fazer isso mil vezes!! Vale a pena.
E, olha só, q contraste, vc sonhava Medicina, não deu certo; com isso foi tentar Direito. Será que hoje, não dá para tentar uma área que tem haver com teu sonho. Talvez aí, encontrará mais prazer no seu dia-a-dia.
Sucesso!
..talvez hj, mais de quinze dias passado, de seu post, esteja bem, motivado. Que assim seja!!
Abraço.

Anônimo disse...

Não,não vale!

Anônimo disse...

so penso em me matar! quero morrer! penso em parar de comer por que nao tenho coragem de me suicidar de outra forma!

Anônimo disse...

E se morrer for uma decisão nossa? Ninguém pede pra nascer, pra vir pra esse mundo! Assim como eu. Eu vivo por obrigação. Sim, a vida é bela, e tenho certeza que tem muita coisa por aí que eu não conheço, mas eu não estou interessado. O problema é também por não me aceitar como sou. Isso me deprime, infelizmente não que isso seja importante na sociedade, mas se o importante é ter amor próprio antes de ser amado, como eu vou passar para a segunda fase se não consigo me amar? É uma escolha minha, não é fraqueza. Eu posso fazer falta para minha familia, e aos poucos amigos que tenho, mas se eles soubesse com me sinto por dentro, totalmente destruido, eles poderiam se conformar com a minha perda. Eu fiz 20 anos a pouco tempo, e desde meus 12 que eu falo para minha mãe que não aguento... Eu vivo porque é o jeito, mas eu não sei até quando. Acho que suicidio é fraqueza sim, mas eu não perdi pra nascer. Eu não aguento mais... Eu não quero amar, casar, eu não quero viver, para ser mais específico. Eu só queria sumir, sentir uma felicidade de verdade, um alivio. Todo dia pra mim é uma vitória, pois acordar e poensar "Caramba, ainda estou vivo" é como uma vitoria pra mim, pelo fato de encarar esse desafio todos os dias.

Anônimo disse...

eu nao consigo me sentir capaz de escolher meu futuro profissional, e acho que isso eh a principal razao que tras os demias sofrimentos..
minha familia me ve como uma preguicosa, e meus amigos como uma incapaz..
eu preencho meu tempo com a resolucao de problemas dos meus pais.. e ele valorizam mais os meus irmaos, pq eles trbalham e eu nao
eu sinto que nao sou valorizada por ninguem.. eu queria ser uma pessoa de sucesso, mas nao sou capaz de direcionar minha vida, de escolher um trajeto e percorre-lo.. eu comeco, e desisto..
sou formada, mas odeio minha area de formacao.. gostaria de trabalhar com algo que gosto, mas nao consigo descobri o que eu goste fazer..
no fundo eu acho que eu queria uma vida facil.. e quando encontro obstaculos desisto e me sinto incapaz
nao tenho coragem de me matar, mas ja joguei isso na cara da minha familia, com objetivo de me cuidarem, de me ajudarem.. mas eles estao tao preocupados com o sentimentos deles apenas..
minha mae acha que a maior tragedia dela eh eu nao ser casada e nem ter filhos.. e em cada garoto que eu falo ela ve a perspectiva de um casamento.. eu me sinto mal com essa cobranca dela.. eu nem sei se isso eh importante para mim.. as vezes eu tb gostaria de encontrar alguem, mas as vezes eu nao quero, so para mostrar que quem manda na minha vida sou eu..
meu pai mla se importa comigo, so da valor aos meus irmaos, nao perde tempo em me dar carinho, nem saber como eu estou.. ele da mais atencao aos estranhos que a mim..
e meus irmaos, seguem suas vidas, ambos casados.. estao preocupados com suas familias, enquanto eu me preocupo com os problemas de saude dos meus pais.. mas eles sao muito mais amados, porque tem uma vida de mais sucesso, com suas familais e seus trabalhos..
meus amigos sao um capitulo a parte.. tenho muita inimizade feminina desde pequena por ser considerada muito bonita por onde passo.. mas nem minha beleza eu consigo dar mais valor.. pq as vezes ela me distancia das pessoas, entao eu tento ser palhaca.. para nao amedrontar minhas amigas inseguras..
e os amigos "homens" me vem a maior parte como "uma garota bonita que eu poderia tentar ficar"
no geral sei que o que meus amigos acham todos eh que sou uma garota bonita, mas sem futuro.. uma pessoa que nao se encontrou no que quer
eu odeio estar assim... so minha familia conhece esse meu lado down..
minah mae ja me falou um dia que era bom eu ir a um psicologo, mas falou da boca p fora, e nao foi adiante.. nu fundo ela e meu pai acham que tudo que sinto eh frescura e que se eu sair p trabalhar resolve.. mas eu ano tenho vontade nem de trocar a roupa de dormir.. as vezes tomo banho e coloco outra roupa de dormir por dias seguidos, sem olhar a luz do sol.. e eles acham que tudo que eu tenho eh preguica
as vezes eu penso em me matar, mas eu fico com vergonha.. eu fico imaginando as pessoas rindo de mim, da minha incapacidade de ser alguem.. eu fico imaginando minha familia me culpanando, como eu fui egoista.. eu imagino eles me odiando e nao me compreendendo..
e em outros momentos tudo que eu queria era encontrar algo que eu goste de fazer, conseguir em dedicar e me senitr realizada numa profissao, pq eu sei que isso mudaria todo o demais

Anônimo disse...

sempre sonhei que o mar me tragava...não sei pq,será uma premonição?

Anônimo disse...

sempre fui uma pessoa muito triste,á não aguentar mais de tanta angustia e vazio.tentei suicidio.qundo entrei em comã sai do meu corpo e pude sentir um grande alivio,me sentia muito bem!quando eu andava em direçao á uma porta escura ouvi uma voz muito grave ,dizendo a mim:volta.e então como um piscar de olhos voltei ao meu corpo.fui acordando bem devagar,e ja sentindo minha tristeza q me acompanha desde sempre!ja se passaram 2 anos da minha esperiencia quase morte!eu acho q morrer vale a pena .para se livrar de tristezas e angustias..

erika disse...

Eu odeio minha vida , fiz tudo para ajudar um homem que amei e amo ate hoje , mas pareceu ser tudo em vao . Hoje estou morando com ele a um ano e so recebo desgosto, me sinto mal amanda por todos a minha volta , nao tenho amigos nao tenho emprego e nem vontade de trabalhar , perdi um filho de uma forma e hoje nem sei se posso ser mae , mas tbm colocar uma vida no mundo prque se nao dou conta nem da minha . Ja tentei suicidio 3 vezes e fracassei . Tento ter fe, animo , mas nada que dure mais que dois dias ja fui em psicologos e nada adianda .n duvido que exista um deus , acredito nele e na sua forca , so acho que ele deu vida para a pessoa errada. So quero que isso acabe de vez , assim poupo de sofrer os que amo e eu mesma.

Anônimo disse...

Quero me matar mas nao tenho coragem , nao por medo de fazer as pessoas sofrerem , porq simplesmente sou uma covarde. Todos que dizem me amar so me fazem mal entao q tipo de amor e esse . Ja q estou sofrendo que todos sintam o que eu estou sentindo . Estou cansada da vida . Esse mundo e um lixo , cheio de desigualdade , sofrimento e a depressao que no momento e o mal do seculo .
Como seria bom se hj fosse meu ultimo dia . Mas espero com ansiedade . Alma em luto eterno pela vida .

Luana disse...

Eu decidi me matar a algum tempo. Só estava esperando um momento propicio. Acabei de fazer 16 anos e não sei o que fazer.
Não sei o que motivou isso, essa não é a minha primeira crise de depressão. Já tentei me matar antes, mas não consegui.
Não sei se quero morrer mas talvez fosse melhor... Eu não sei como continuar... Já não quero mais sair de casa. A então a única coisa que me distrai disso é está no computador, é aqui onde eu leio diversas histórias, comento, penso, apoio crítico. É aqui um dos poucos cantos que eu não tenho que fingir.
Mas se eu me matasse, já não seria um motivo pra raiva, decepção ou preocupação, quando eu deixo de ir pra escola, ou quando me mantenho distante de todos.
Tinha decidido fazer isso hoje, mas eu tenho medo. Está quase tudo pronto e eu com medo.
Parecia que hoje eu não iria conseguir parar de chorar e eu nem sabia o por que de está chorando.
Agora que estou terminando de escrever isso já estou um pouco mais calma. Só ficou uma questão em minha mente, como resolvo um problema se eu não qual ele é?

Anônimo disse...

É parece que esse é o meu grande momento! Aqui estou eu, tentando criar coragem e acabar com essa coisa inútil que é a minha vida.
66 cápsulas de comprimidos variados a minha frente e me faltando coragem.
Não quero morrer, mas de todo coração a minha vida não tem sentido. O que mais me prende aqui são as histórias que eu amo ler, a que eu estou começando a escreve e que se eu me matar vai ficar inacabada.
Eu deveria ir para escola, mas não tenho a menor vontade. O que eu vou fazer de minha vida, como vou trabalhar, se a única coisa que eu quero é ler as minhas histórias favoritas e escrever?
Eu não posso e não quero ser um peso morto na vida de ninguém, mas eu não quero viver a minha vida.
Não sei o que fazer...

Anônimo disse...

OLá,
Sou Portuguesa, fiz 47 anos, idade chata eu penso.. afirmam que sou exótica, misteriosa até,que a idade não me toca, que mantenho sempre a mesma postura, elegância e como gostariam de ser como eu blá blá blá... só escrevo isto pork é anónimo senão seria incapaz de o fazer!
Tenho familia e vivemos serenamente, quase 30 anos de vida com o mesmo companheiro, tudo normal..
.. não fosse este martirio que me assombra a alma. A tristeza e a falta de força para acordar, para iniciar mais um dia .. não querer viver apoderou-se de mim, nada faz sentido, este acordar, trabalhar, deitar.. os filhos... tô farta deles.
O suicidio é uma força poderosa na minha mente,todos os dias a toda a hora, o carro que atiro vale abaixo, comprimidos que possa tomar, mas nem isso tenho pork nunca tomei nada, nada tenho em casa ..sei lá.. desaparecer de uma existência que não faz sentido. Mas porquê agora?
Ninguém se apercebe de nada, mas sei que vou arranjar forma de acabar com isto.
Talvez nunca tenha vivido o que devia, namorar muito na adolescência, viajar, conviver... mas não .. trabalhei cedo e estudei ao mesmo tempo, casei cedo e tive filhos igualmente cedo, dedicação total, um é veterinário e sempre foi e é um jovem fixólas, o outro tambem é bom aluno e fixólas, será o que quiser ser.
Eu esqueci o quis ser...
Eu esqueci de me amar...
Eu esqueci de sair no fim de cada acto, mera espectadora de uma vida adormecida!
Agora não sei quem sou nem o que faço aqui!
Como compreendo estes relatos que li, deveria existir uma força poderosa que ajudasse e iluminasse quem está em desespero, mas não.. talvez me falte a Fé, mas sei que vou partir em breve e agradeço este cantinho...Inté!

Anônimo disse...

tento achar estimulo pra minha vida ..mas não encontro,tenho tudo pra ser feliz mas vivo decepcionada por marido,filhos ,pai ,mãe e irmãos...no trabalho estou em baixa o que na realidade sempre foi a minha terapia...a unica coisa que fixa na minha mente é a vontade de morrer ..penso que nada vale a pena...

Dyd Miranda disse...

Imagine você nadar um mar bravio, sentido todas estas angustias ,desistir quando tiver chegando o fim,pode ter certeza, venha o que vier eu não desisto. Talvez não consiga crer em nada,mas vai crer exatamente nisto? que seria uma decisão pessoal? O corpo tem validade,espera vencer. Liberte-se ,viva cada dia de sua vida.

Anônimo disse...

Acredite Deus nao te odeia e entende o que vc passa. Embora eu tenha passado muitas coisas dificilimas tambem nao O culpo por elas terem acontecido. A vida eh assim, enquanto estamos nesta terra estamos sujeitos a tudo tanto ao bem quanto ao mal. Coisas ruins acontecem todos os dias com todo mundo... Vc precisa primeiro abrir espaco para se perdoar que abrira o coracao para ver o quanto sua vida pode melhorar e o quanto Deus ( o mesmo que vc pensa te-lo abandonado) esta disponivel para te ajudar. Ele te ama e muito e de maneira alguma deseja o inferno para ti (afinal vc ja o tem vivido neh), agora eh hora de se reeguer e viver e nao morrer! Falo por experiencia propria!

Erivanio Silva disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Erivanio Silva disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Alan Rossi disse...

Eu aprendi...
...que ignorar os fatos não os altera;

Eu aprendi...
...que quando você planeja se nivelar com alguém, apenas esta permitindo que essa pessoa continue a magoar você;

Eu aprendi...
...que o AMOR, e não o TEMPO, é que cura todas as feridas;

Eu aprendi...
...que ninguém é perfeito até que você se apaixone por essa pessoa;

Eu aprendi...
...que a vida é dura, mas eu sou mais ainda;

Eu aprendi...
...que as oportunidades nunca são perdidas; alguém vai aproveitar as que você perdeu.

Eu aprendi...
...que quando o ancoradouro se torna amargo a felicidade vai aportar em outro lugar;

Eu aprendi...
...que não posso escolher como me sinto, mas posso escolher o que fazer a respeito;

Eu aprendi...
...que todos querem viver no topo da montanha, mas toda felicidade e crescimento ocorre quando você esta escalando-a;

Eu aprendi...
...que quanto menos tempo tenho, mais coisas consigo fazer.
(Boa noite , Amor )
William Shakespeare

Anônimo disse...

Me afastei das pessoas.Aprendi que mais cedo ou mais tarde elas vao te magoar.Minha familia foi a maior desgraça da minha vida.Hj me encontro apatica as coisas ao meu redor.As pessoas sao muito ruins.Quero distancia delas

Anônimo disse...

Eu não quero viver prefiro morrer um dia vou morrer pra que viver nessa merda de mundo não tenho amigos,minha amiga me trocou as outras agi como se não me conhece, minha vida chegou num estagio agoniante não suporto mais fica em casa, não tenho ninguém para sair comigo, tem dia que durmo a tarde inteira por que a angustia é muito forte só penso em morre é o que desejo não faz sentido viver nesse mundo mediocre.

Anônimo disse...

Eu tenho tido ultimamente como na adolescência vontade de me matar. Sério mesmo. Por que não digo para os outros? Para que? Para aparecer uma neguinha magricela com cara de debochada zarolha de pernas tortas dizendo que é FRESCURA? QUE È FUGA? QUE È COVARDIA?

Frases feitas? (Sim, a gorda)

Minha tristeza é que me fizeram nascer num espaço e num tempo que não tem nada a ver comigo. Numa dimensão que não condiz com meu espírito.

Um espaço-tempo que não tem nada a ver comigo.

Anônimo disse...

Minha vida interia me disseram que eu era bastante inteligente e a vida inteira eu acreditei, hoje me sinto o mais burro de todos, aliás já faz um tempo. Meus sorrisos transmitem alegria, mas não refletem o que eu sinto.
Não tem absolutamente nada que me segure, mas mesmo assim eu não consigo me mexer.
A idéia de me matar me incomoda por saber que isso vai pertubar minha família, parece que deixar o gás vazar por acidente é a melhor solução.

Anônimo disse...

eu vejo muita gente criticar quem se suicida zombar até. Mas para tudo existe um motivo ou vários.
Vejam o meu quadro. Sofro de uma depressão há vários anos. Depressão que se agravou com uma operação à coluna que correu mal já lá vai um ano. Estou sem poder trabalhar, vivo sózinho não recebo nenhum subsidio. Estou a viver das poupanças que tinha e que daqui a alguns meses se vão acabar pois as contas mensais não param. Para agravar a situação sofro de disfunção eréctil ou seja tornei-me impotente. Que posso esperar do futuro? alguém me diz? já fui a vários psiquiatras mas não há comprimidos para a tristeza, a angustia, a ansiedade, para o medo da realidade de ficar sózinho para sempre quando o que eu sempre mais quis foi ter uma familia. Tenho 52 anos casei bem cedo, durou 11 anos e tenho um filho já homem com 31. NBão páro de pensar em morrer porque não consigo lutar pela vida nem fisica nem psicologicamente. Mesmo assim gostaria de saber se tem alguém que me possa dar uma palavra de alento..

Anônimo disse...

Amigo mesmo que a solucao nao pareca existir voce tem que encontrar ela,

eu li varios comentarios tendo em mente o pensamento de me matar, mais eu nao consigo, eu ainda acredito que eu posso fazer algo.

eu acho que mesmo que eu tivesse 80 anos e mais 1 mes de vida eu ainda iria tentar fazer algo

Voces tem que acreditar, no minimo procurar novamente antes de morrer uma solucao, tentar mais uma vez mais de forma diferente

porfavor continuem tentando pelo menos mais uma vez!

fica aqui as minhas palavras sem concordancia, com erros gramaticais mais de coracao quero que saibam que eu ainda estou tentando e torco para que todos continuem tentando.

Fábio Lacerda disse...

Felxibilidade? Caminho possivel? Que inferno isto, lá vem este papinho que escuto a mais de 10 anos de psiquiatras e psicologos do tal "caminho do meio". Pro inferno o caminho do meio junto com todo mundo e de preferencia EU primeiro, não vale nada viver nesta porcaria aqui. Deixem quem quiser se matar por favorrrrrrrrr, será o maior bem que estarão fazendo!!! Ainda estou criando coragem e decidindo se será caixao aberto ou fechado, dependerá do meu momento precedente ao adeus, se for fechado ainda não decidi como farei, mas se aberto for. (...) (Nota: texto editado por violação das regras de uso do blog) . Mas se tiver que doer não estou nem ai, me dói estar aqui todo dia! O tempo é o pior castigo!!!!!

Anônimo disse...

queria entender porque existe a vida pelo fato de haver tanta covardia no mundo onde pessoas sao degoladas vivas queimadas vivas eu fico revoltado com isso. com a fome onde sei que tem pessoas que morrem por nao comer isso me deixa triste. covardia,fome,doenças, viver nesse mundo sem ser instruido. mais oque me faz ficar mais triste e saber que por mais que eu queira fazer algo para ajudar pessoas que sofrem e saber que nao ajudo nem a mim tenho odio mortal a covardes. faz uns tres anos que a vida para mim tem sido um fardo um cara com 25 anos ser um inutil que nem eu e foda tenho fobia social que se agravou com outra doença maldita chamada foliculite no couro cabeludo essas duas desgraças acabam com a minha vida. como sou ateu sei que nao existe inferno ou seja nao tenho medo de me matar so nao tenho coragem, sou tudo que uma pessoas nao queria ser. sem amigos sem inteligencia, muito feio, fracassado, triste cada vez mais todos se afastam de mim todos os dias penso em morrer quero voltar ao meu estado natural que ea inexistencia acho que talvez so uma pessoa vai ficar um pouco tiste se eu morrer a mamae por causa da fobia meus parentes me despresam nao queria nem ter nascido quanto mais ser assim cheio de problemas so quero criar coragem e durmir para sempre (mikael)

Anônimo disse...

Estou com um enxerto de acrilato no rosto pois falaram que eu podia melhorar das cicatrizes de acne, mas não foi o que aconteceu, e meu médico me falou que isso não tem jeito. Se for remover isso do meu rosto vou ficar mais deformado que estou agora!! Não tenho mais coragem de olhar no espelho e não aguento mais ter que ouvir piadinhas do tipo: Que vc arrumou nesse rosto?! E me sinto uma grande aberração!! Queria morrer!!! Já fiz de tudo para melhorar e nada melhora, tentei até cirugia espiritual, mas nada!!! E Deus diz que faça por onde que te ajudarei, não sei onde. Acho que Ele é uma farsa como esse maldito provérbio bíblico!!
Enfim perdi a fé em tudo!!

Anônimo disse...

Oi pessoal, tenho apenas 18 anos, meu pai tem transtorno bipolar e eu e meu irmão sempre odiamos o fato de ele ainda estar em negação e não se medicar, mas sempre fomos obrigados a continuar convivendo com ele por causa de nossa mãe. Aos 14 anos já pensava em suicídio e tomei muitos comprimidos em uma noite, mas não houveram consequências graves. Aos quinze cortei meu braço de propósito e tenho a cicatriz até hoje. Quando me perguntam, só digo que foi um acidente com a cama. Fui muito humilhada por um ex namorado e hoje tenho problemas em ter relações sérias com algum menino. Esse ano estou sofrendo pressão de todos os lados e ainda mais pressão própria para passar no vestibular de medicina, o que me deixava completamente depressiva e instável, não sei agir sobre pressão, eu simplesmente travo.Quem olha pra mim não acredita nessas coisas que eu agora estou falando. Muitas pessoas chegam e dizem que queriam ser como eu, ter minha aparência, minha vida, que eu posso ter o cara que eu quiser e que sou muito sortuda. Nenhuma entende que isso não é nada comparado a feiura que ainda há dentro de mim. O pessimismo, a tristeza, a depressão. E todos os dias eu trabalho para ficar bonita por dentro, assim como vocês devem fazer. Li alguns comentários aqui e me confortei ao saber que não sou a única com pensamentos pessimistas a respeito de Deus e da vida. Me confortei, mas fiquei muito triste. Pessoal, vocês acham mesmo que nós nascemos sem motivo algum? Que somos tão inúteis a ponto de não termos valor algum nessa vida passageira? Que as pessoas são nojentas e insanas, egoístas e manipuladoras? Sim, muitas delas são, mas não todas. Há pessoas boas, há pessoas que só queriam um motivo para viver, há vocês. Vocês dizem que não tem motivos para estar aqui, mas olhem para si mesmos. Vocês. Vocês são o motivo. Qual motivo melhor do que achar a cura para toda essa tristeza? Todos aqui podem descobrir como vencer isso, vencer essa doença, esse pessimismo, essa angústia. E melhor que isso, não só se ajudar, mas ajudar futuras pessoas que venham a ser como nós. Tem coisa mais digna? Sou como vocês, suicida e depressiva, mas todos os dias eu acordo e digo: "hoje eu vou melhorar.Vou algum dia ser médica e cuidar de pessoas que sofrem por coisas que elas não podem controlar, assim como eu nesse momento." Pensem bem: se vocês vieram até aqui, escreveram e ainda não se mataram só significa uma coisa: vocês sabem que ainda há esperança. Porque eu não tenho certeza de nada, só de uma coisa: Ninguém nasceu para ser infeliz.

. disse...

Isto é uma competição de quem é mais desgraçado?
Eu arriscaria contar minha desgraça, e não acho que ficaria longe do primeiro lugar. A mulher mais querida, que mais me amou se suicidou há 4 meses no banheiro da minha casa. Era tudo que eu tinha na vida, minha razão de viver. Agora sou um de vcs. Somos iguais.
Mergulhados em nossas dores não percebemos o quanto somos iguais uns aos outros. Frustrados, temos medo da vida e da morte. Tanto medo que temos vontade de morrer.
Mas há algo que pode evitar isso. Morrer em vida. Abandonar este grande centro chamado EU.
Gostaria que ouvissem Krishnamurti. Tem bons vídeos no Youtube. Não tem nada a ver com deus, jesus, ou qualquer coisa que venha de fora. Mas ao contrário, ajuda-nos a buscar em nós, questionarmo-nos, observarmo-nos. Porque o único sentido da vida é justamente encontrar o sentido da vida.
Todos estamos mortos, e não se enganem achando que as pessoas são felizes. A felicidade é uma ilusão, uma cenoura na frente do burro. Não busquemos a felicidade, mas a Verdade. A Verdade a qualquer custo.
É ótimo que estejamos inconformados e sofrendo. Sinal de que não somos hipócritas. Não é sinal de saúde estar bem adaptado a esta realidade que vivemos. Mas não paremos ai. Talvez haja saída, talvez seja possível não sofrer mais. Não diga que não é, nem que é. Descubra por si. A vida serve para isso, para buscar a Verdade.
Acessem:
https://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=qTdnAyINrmQ
3 de março de 2013 21:03
Anônimo disse...
Convido-os a duvidarem de si mesmos. Duvidarem de seus pensamentos, de que são seus pensamentos. Duvidarem de quem são, e tentarem descobrir por vcs mesmos, sem que alguém os digam que são vcs.
Somos todos iguais. Todos seres humanos sofrem. Estamos todos no mesmo barco. Apenas uns estão mais adaptados a este mundo dividido, esquizofrênico.
Convido-os a se conhecerem, antes de findarem com a unica possibilidade que tem de conhecerem-se, de experimentarem a vida, a verdadeira vida, porque o que estamos vivendo é uma sobre vida, uma falácia.
Há um senhor que pode ajudar neste processo de auto-conhecimento. Chama-se Krishnamurti. Façam pesquisas, descubram videos dele no Youtube, quem foi. Ele diz que não imposta saber quem ele foi, que de fato ele não é ninguém, e o que importa é descobrir quem é vc.
É um ser iluminado que procurou libertar o homem de seus condicionamentos. Avesso a "religiões", e tudo que é crendice. Simples no falar, muito lógico e claro.
Antes de morrer, descubram quem são vcs. Eu lhes afirmo, vcs não são seus pensamnentos, nem as imagens que tens de vcs. Imagens são imagens, não realidade. E estamos num mundo de imagens, não de realidade, de Verdade. Busquem a Verdade. Não desperdicem essa dádiva que é a VIDA, que serve para justamente descobrir o sentido disso tudo. A morte ajuda a compreender a vida. O que é a morte? O que morre?
Estamos todos doentes... Mas a doença é boa, porque sinaliza que há algo errado que deve ser sanado. A saúde mental talvez seja possível... descubra se é... viva para isso, pra buscar a cura, pra descobrir-se!

Anônimo disse...

tbm queria me matar... vale a pena ficar 1 semana aí :http://www.comunidadepieta.com.br/default/default.asp

Anônimo disse...

A vida não passa de ter conciência de existir, não há um paraíso após a morte, só o que resta é o consumo de seu corpo para a natureza, sua alma não passa de uma simples desculpa para estar sorrindo neste momento, seu deus é seu amigo imaginário e nada mais. Sempre quis poder ser feliz com pouca coisa, como uma criança, mas quanto mais eu cresço e mais meus olhos se abrem para o mundo, fico dependente dos desejos, a felicidade se torna uma droga, cada vez mais difícil de se conseguir, quando suas nescessidades deixam de ser materiais, e começam a envolver outros, quando a droga se torna impossível de se obter, é quando eu desisto de pensar, é quando eu deixo de existir.

Anônimo disse...

O que todos buscam não é a morte, mas na verdade o que buscamos é viver de verdade!
Desistir é sempra uma opção atraente, um caminho mais facil pra ocultar a dor, mas não é uma garantia de solução, afinal, não sabemos ao certo o que vem depois.
No exato momento não tenho ânimo nem forças pra nada, tudo perdeu a graça na minha vida. Minha vida inteira foi uma tentativa frustrada de ser feliz e diversas vezes pensei num sucídio, e nunca tentei fazê-lo porque sei que vai ser uma vez só.
Um dia parei pra refletir na solução da minha vida e de meus problemas(problemas dos quais não veem ao caso), e cheguei à conclusão de que não busco exatamente o suicídio, o que busco na verdade é sumir, é fujir de toda essa loucura que me cerca, fujir desse mundo de ganância, egoísmo, dor, falsidade e mentiras. Inclusive busco fujir de mim mesmo, ou encontrar quem realmente sou.
Após refletir sobre algumas coisas, tomei uma decisão muito louca: Vou partir para alguma mata afastado da civilização, quero viver por tempo indeterminado como um selvagem, vou acampar sózinho e vou fazer essa experiência. Parece ser uma loucura, mas é uma coisa mais sensata que o suicídio. Vou fazer isso pra colocar meus pensamentos no devido lugar, e durante os dias ou meses que estiver la irei escrever um diario de tudo que acontece no meu mundo, tudo que sentia e que irei sentir. Vou fazer isso pra não me matar, e acho que vai ser a maior experiência que terei na vida.
Só quero dizer uma coisa a todos vcs: Talvez eu desista da vida um dia, talvez não de certo minhas tentativas, mas nada é por acaso, e sei que existe algo mais que a vida, mas estamos aqui por algum motivo, e por mais que a dor seja insuporatavel como esta sendo comigo agora, não vou me render! Vou fazer qualquer loucura pra ver o dia de amanhã.
Acredito que o sofrimento e´um treinamento para grandes homens, teremos de ser fortes, e suportar tudo, e no meio dessa dor tentar encontrar o que realmente importa: Nossa missão nesse mundo!
Estou com 25 anos, ja perdi 3 amigos vítimas de suicídio, quase segui eles, mas se aguentei até agora coisas insuportáveis, irei até o fim!
Só saberás o dia de amanhã se estiver vivo, não interessa o que tenha que fazer, não importa o quão dificil seja, vou me reinventar das cinzas sempre!

Anônimo disse...

Como muitos que aqui já comentaram, a ausência de esperança também é, pra mim, uma tortura mais que cruel. Já passei por uma época pesada e percebo que os sintomas do mesmo período estão voltando, com mais intensidade dessa vez. Queria muito conseguir não ter medo do véu que fica entre a vida e a morte, mas, por aspectos religiosos do meu inconsciente e por medo, não concretizo o suicídio. Eu aguentaria tudo se eu tivesse certeza da minha felicidade futura. O problema é que eu não tenho.

Anônimo disse...

Depressao eh qdo a alma ferida esta a sangrar minando suas forcas. A falta do perdao seja com voce mesma ou com outra pessoa que te causou algum dano irreparavel pode contribuir para essa perda de sentido da vida. Na sua dor esta a resposta e nao na morte. Pare e pense quando td realmente perdeu o sentido e encontrara a causa para poder reagir!

Anônimo disse...

Sabe tambem tenho cicatrizes de acne no rosto e faco tratamento com laser. Teve muitas vezes em que me esmurrei ao olhar no espelho, sentia muita odio de mim, da minha aparencia, mas isso e passado. Tive um namorado que era muito assediado, vivia cuidando do corpo do rosto exageradamente e me humilhou muito e sabe o que aconteceu?? Num domingo, ele estava voltando de uma balada e sofreu um acidente morrendo na hora. A menina que estava com ele nao sofreu nenhum arranhao. A licao que tirei disso tudo que feio ou bonito, pobre ou rico, sonhos realizados ou nao VIVER VALE A PENA SIM pq tem alguem muito Maior no controle de tudo! Deus respondeu minhas preces e me tirou do fundo do poco, como nao acreditar nEle?! Se Ele me ouviu pq nao ouviria vc??

Anônimo disse...

sou tudo!sentimentos vazios me levam para os trilhos da morte;uma força sem igual com uma voz dentro da minha mente me diz:não tem jeito seu destino é viver triste para sempre suicida!não consigo dormir!ao pegar ao sono sinto algo como uma mão tocar minhas pernas e vai subindo passando pelo meu corpo até chegar no meu pescoço,e me sufocar,não sei dizer se isso é sonho me parece muito real,pois eu sinto uma presença sempre perto,tira minha vontade de viver,soprando dentro do meu ouvido.eu sei sou louco é por isso que vou me suicidar.

Anônimo disse...

Foi aos poucos que a minha vida se transformou no inferno que é hoje. Não percevbi, pois estava em surto psicótico, dizem que sou bipolar. Hoje não consigo nem decidir se devo tomar banho ou não, não saei o que fgaço, tenho um filho doente, penso em todas as alternativas para suicídio mas não tenho como executar. Me afundei em dívidas quando estava na fase de euforia e tive até que sair do lugar onde morava, hoje moro em um lugar horrível e não tenho forças, nem competência, nem capacidade de tomada de decisão para sair daqui.
Meu marido não me ama mais, quer se separar, eu tento achar uma saída e não encontro. Passo os dias contando as horas para o dia terminar e eu poder dormir, mas enquanto isto os problemas que eu tenho e não resolvo vão se acumulando e minha ansiedade aumenta dia-a-dia. Gostaria de morrer, aqui e agora.
Este é apenas o resumo de uma história muito triste que aconteceu comigo, se eu escrevesse tudo daria um livro.

Anônimo disse...

Eu leio os comentários e vejo quantas pessoas, jovens inclusive, passam pelo mesmo que eu.
Só quem sofre de depressão profunda sabe o que é.
Acredite, não foi falta de tentar melhorar.
Anos de terapia, remédios de todos os tipos, espiritualidade de todas as formas.
Hoje me encontro só, aos 55 anos.
Não tenho mais vontade de sair da cama.
Não tenho pelo o quê viver simplesmente porque não sinto a alegria da vida. Somente essa tristeza profunda desde sempre. Este sentimento de inadequação, de vergonha por estar vivo e ser quem sou.
Não me sinto digno de participar deste mundo. Não sinto que contribuo.
Todos os dias eu deito na cama e torço para não acordar no dia seguinte.
Porque isto? Não entendo...

Anônimo disse...

NÃO AGUENTO MAIS... Penso em suicidio todos os dias, mas tenho medo, alguem sabe o que é a morte? C for pior do que viver? Só por isso ainda não me matei. Tenho 25 anos sempre fui correta, vivia na igreja, casei virgem; nunca bebi ou me droguei E O QUE GANHEI COM ISSO? Um dia me revoltei abandonei a igreja, marido e fui "curtir a vida" o mundão la fora Q ilusão só me decepcionei mais com a vida, e com pessoas. Ja passei por psiquiatras tomei varios remédios so tive EFEITOS COLATERAIS HORRIVEIS Não adiantou nda. Só queria uma casa simples e bonitinha em um lugar tranquilo para poder viver em paz com minha família, mas moro enfrente a uma Serralheria barulhenta, com vizinhos péssimos e mal educados, Meu marido trabalha Muito e só o que temos é DIVIDAS, meu unico bem é MEU FILHO mas lamento em ter trazido o coitadinho p esse mundo INJUSTO E MAL. SE A VIDA É UMA ESCOLA NÃO QUERIA ESTAR MATRICULADA NELA. Minha fé esta abalada e sou mto Infeliz...Se Deus existe que Ele me perdõe!

Anônimo disse...

Tenho 25 anos hoje, me vejo como vc amanhã... Tbm não entendo a vida, Os desonestos e maudosos que prejuducando os outros, deitão e dormem e são felizes. Agora nós que procuramos ser Honestos e bons vivemos esse tormento.

Nathy disse...

Quero morrer mas não tenho coragem de me matar, nem pra isso eu sirvo. viver pra mim é um peso que eu tenho que carregar. cheguei a um ponto em que eu não consigo fazer nada direito, vivo nervosa com o coração apertado. sou um peso na vida da minha família. não acredito mais em Deus, não acredito mais em nada. vejo aqui no site muitas pessoas que estão na mesma situação que eu, e eu gostaria de ajudá-las, mas não consigo nem me ajudar. estou cansada de gente falando pra eu ir em uma igreja, ler biblia etc, ja tentei e não funcionou. tudo tem sido dificil pra mim...quero morrer, tem muita gente morrendo que queria continuar viva e eu sinto inveja quando alguem morre e eu continuo sofrendo nesse mundo. não sei mais o que fazer, só fico deitada nesse meu quarto escuro o dia todo.

Anônimo disse...

Anônimo disse...
acho que antes de mais tudo o que leva ao suicídio é um motivo.. EU tenho VARIOS . Não vou coloca-los aqui porque alguns deles eu escrevi agora mesmo. Gosto da vida , não tenho depressão. Queria começar um negocio com meu marido , mas ele acha que tem "um patrimônio rsr e precisa vende-lo só que ninguem compra. ele na verdade não quer trabalhar quer esperar o dinheiro cair do ceu.

Diego Iácope disse...

Boa noite pessoal, vi alguns comentários e imaginei as dificuldades vividas por cada um, também tenho sofrido na vida, as coisas nem sempre são fáceis, as vezes a vida nos deixa tão pra baixo que pensamos em acabar com a própria vida, eu gosto muito de música e um dia ouvi uma canção ne uma rádio e ela vem me dando forças para continuar cada dia mais... Eu sei que não sou o dono da verdade, mas Deus nunca nos abandona, ele é amor infinito e nos ama infinitamente, acreditem um dia estaremos com ele... A canção se chama "Rastros Na Areia".
A letra é essa:
Obs: Fiquem totos na paz do Senhor.

Rastros Na Areia

O sonho que tive esta noite
Foi o exemplo de amor
Sonhei que na praia deserta
Eu caminhava com Nosso Senhor

Ao longo da praia deserta
Quis o Senhor me mostrar
Cenas por mim esquecidas
De tudo que fiz nesta vida
Ele me fez recordar

Cenas das horas felizes
Que a mesa era farta na hora da ceia
Por onde eu havia passado
Ficaram dois pares de rastros na areia
Então o Senhor me falou
Em seus belos momentos passados
Para guiar os seus passos
Eu caminhava ao seu lado

Porém minha falta de fé
Tinha que aparecer
Quando passavam as cenas
Das horas mais tristes de todo meu ser

Então ao Senhor reclamei
Somente meu rastro ficou
Quando eu mais precisava
Quando eu sofri e chorava
O Senhor me abandonou

Naquele instante sagrado
Que ele abraçou - me dizendo assim
Usei a coroa de espinhos
Morri numa cruz e duvidas de mim
Filho esses rastros são meus
Ouça o que vou lhe dizer
Nas suas horas de angustias
Eu carregava você.

Anônimo disse...

Sinto como se nada pudesse curar esse vazio que sinto, mas ao mesmo tempo sinto que os dias ficam cada vez mais dificeis. Os relacionamentos são frios, sem esperança, as pessoas me ignoram e eu sei que não me querem por perto. Ao mesmo tempo sei que as semana ficam mais tediosas, mas sou muito covarde para me matar, uma morte sem dor, sem sofrrimento, esse é meu sonho...

Anônimo disse...

olha só pessoas quase igual a eu vou começar dando um olá todos as pessoas revoltadas da vida como eu assim como a maioria de vocês eu também eu odeio a vida odeio ter que existir .
eu li alguns dos recados de vocês cada tem seu jeito de ver a sua vida e analisa-la e chegas sua revolta respeito a opinião de todos é claro mas alguns de vocês acho eu que não precisava ter deixado o seu recado aqui mas ,veja bem alguns de vocês em , bom vou dizer um pouco da minha péssima vida que eu detesto tanto, poço te dizer que tive sorte em algumas coisas da vida sempre tive um emprego que ganhe-se razoável mas que nunca faltou fui abençoado na amizade por qualquer lugar que eu fosse sempre as pessoas gostaram de mim e me viu como um grande amigo e sempre me quiseram me ter por perto disso eu não posso reclama o meu problema que pra muitos pode ser até banal ou até mesmo ridículo é por mais que eu tivesse sorte na amizade e tenho uma grande família que me quer bem mas eu sempre fui um cara bem solitário sozinho na vida , eu quero dizer que eu fui amaldiçoado no amor , por mais que tente por mais que eu seja legal e por mais esteja presente eu nunca consegui conquista uma mulher ao contrario de todas as mulher que eu gostei só que queria me ver como um amigo e ainda por cima como um eterno amigo o que eu quero dizer o que adianta eu conquista vitorias se eu nunca vou ter ninguém pra compartilhar sempre vou passar os natais e passagens de ano novo sozinho e o que é pior ver todos ao meu redor com seus pares então se é pra eu sofre toda vez que eu gosta de alguém nessa vida então é melhor ir em embora dessa porcaria de vida porque umas das piores coisas da vida é ver no olhar da pessoa amada o desprezo e ainda por cima eu tenho que escuta aquela frase ( há um dia você vai encontra uma pessoa que vai te ama também e vocês vão ser muito feliz) ou um amigo dizendo ( não esquenta é que Deus tá ter preparando uma grande mulher na sua vida você vai ver ) mas como um bom trouxa que fui um dia eu acreditava hoje eu tenho 35 anos e escuto isso desde meus 16 anos não conheço o amor e agora eu sei que nunca vou conhecer não sei o que é ser amado porque fui amaldiçoado pelo destino mas também não me entreguei totalmente hoje tenho um bom emprego pelo nisso eu consegui porque me esforcei e não desistir problemas financeiros bom todos mundo tem se eu tivesse me entregado totalmente talvez hoje eu seria um ninguém mas como eu disse que adianta isso se eu nunca vou construir uma família então prefiro morre mesmo se pra fica sozinha é melhor ir mesmo o que eu quero dizer que alguns de vocês conseguiram algo que eu jamais vou conseguir encontra alguém ,problemas na vida todo mundo tem só bastava vocês ter acreditado um pouco mais em vocês e ainda sabendo que tem alguém especial do lado de vocês dando força mais ainda não é tarde pode ser que ainda consiga se é que vocês não se mataram claro há só mais uma coisa não querem culpa Deus por isso a vida é Livre-arbítrio Deus deixou que cada um cuidasse da sua vida e nós temos que entender que nos estamos na classe dos que choram e não na classe dos que riam mas claro que vocês e eu isso então preferimos morrer mas como eu disse alguns de vocês tem solução ainda e outros como eu não tem jeito e tem quem mais que sumir dessa vida mesmo beleza até mais pessoal e desculpa por qualquer coisa que eu disse














Holssen Thint disse...

Cristo veio ao mundo para todos tenham vida em abundância, já Satanás vei para roubar, matar e destruir.
O grande problema é que as pessoas querem apenas resolver os problemas de forma remediada, ou seja, se tenho um problema, alguém aparece e resolve. Queremos que Jesus Cristo nos cure, nos sare , nos alegre, nos ressuscite, ect, queremos Cristo a nossa disposição, pronto para nos ajudar, mas nunca estamos dispostos a Ele. Não queremos ler, suas sagradas escrituras, não queremos orar e falar com Ele, não queremos ter o mínimo compromisso com a Verdade que é Jesus. Jesus disse "eis que estou a porta e bato, se ouvirdes a minha voz, abra e eu entrarei e cearei com voz", se estiver sentido um vazio no coração, lembresse que a porta de seu do seu coração está trancada por dentro. Abra e permita que Cristo entre e mude sua vida. Permita que Cristo te ensine a não se em problemas e a viver em paz.

Espero ter ajudado e se eu puder ajudar meu email: holssenthint@gmail.com

Que a Graça e a Paz do Senhor Jesus vos alcenc.

Anônimo disse...

Me pergunto sempre como deve ser a felicidade, pessoas me perguntam se sou feliz por q estou sempre sorrindo, ou tentando sorrir, mas essa foi a solucao q eu encontrei pra minha vontade de acabar tudo, pra essa tristeza q é grande e nem sequer consigo chorar. Entao.. Como é mesmo a felicidade? e como faco pra sentir isso pelo menos mais umas vezes?

Anônimo disse...

Eu tenho um filha linda que deus mim deu,mais eu sofro tanto com o pai dela que nem vou pra frente nem vou pra trás porque gente ele devi mim odiar pela as coisas que ele mim diz e mim faz e já morre e esquecerão de mim em terá não aguento ném chorar mais porque estou fraca de tanto sofrer

Anônimo disse...

Gostaria muito de saber porque essa vida é tão ruim? dez de pequena só sofrendo , problemas e mais problemas aparecendo , a pessoa que deveria ter me dado o amor e o carinho que eu precisava foi a que mais me humilhou e me jogou no chão (mãe) , bullying na escola , dentro da família , por se vestir diferente das outras meninas , minha mãe sempre cortou meu cabelo não mostrava empenho nem um em cuidar de mim , quantas vezes passei mal e tive que gritar de dor para ela me levar ao medico , quando comecei a crescer , sofri muitoo com palavras ofensivas , o que me gerou complexo de inferioridade , tive perdas muito tristes , minha vó , minha prima , uma das pessoas mais importantes da minha vida que infelizmente não está aqui comigo , tenho amigos (a) e tal, mas não estamos muito juntos mais , entendo que cada um te a sua vida e suas obrigações , mas é tão perfeito quando estamos juntos (a) eu vivo nesta agonia a muitos anos , quantas vezes tentei me suicida, mas nem uma deu certo , vivo em uma aflição , um mundo sem cor , todo dia a mesma coisa , não tenho forças para voltar a estudar porque sou fraca e tenho medo de não conseguir , eu estou cansada de viver , não suporto mais , viver é a pior coisa do mundo , quantas coisas já me aconteceram , diversos acidentes mas em nem um eu me machuquei , mas eu sou obrigada a ficar aqui, neste sofrimento que se chama viver , vou a igreja todos os domingos , tomo antidepressivo, me trato com psicóloga , mas nada melhora , ela me ajuda sim é claro e muito , mas não estou aguentando mais , o que eu mais queria é dormir hj e amanhecer bem longe desse lugar horrível que se chama mundo. eu presiso descançar .

Solrac TheMartian disse...

Não sou feliz, sempre fui um cara na minha, tenho tendência negativa sim pra tudo, e pra piorar, sofro de ansiedade social e isso parece incomodar outros seres humanos. A impressão que tenho, é que as pessoas em geral são altamente felizes e de bem com suas vidas o tempo todo, e não existe pessoas infelizes não existe suicidas... pelo menos é o que fazem parecer...isso me torna um Alienígena em qualquer canto que vou, chego a acreditar as vezes, que sou uma raridade uma exceção por pensar que a vida não é tão preciosa ou importante como todos fazem acreditar, não existe propósito nenhum de estarmos aqui! não existe missão porra nenhuma!.Sei que tenho problemas comigo mesmo, mas eu realmente não acredito que a vida possa ser tão incrível assim, não acredito em felicidade, não sinto prazer nenhum em acordar todos os dias. Acho tudo sem graça, tudo desinteressante, odeio televisão, odeio a palavra festa, odeio pessoas burras tenho vontade ir pro espaço, viver em outro planeta, morar na lua ou em outra galáxia sei lá, tenho vontade sumir de tudo e todos, tenho vontade de acabar com a porcaria da minha vida, deixar essa droga toda pra trás, deixar a hipocrisia dessa merda toda que só nos enlouquece. Cheguei ao ponto de achar que vida não quer que eu viva mais porque ela não gosta de pessoas como eu...é tudo um peso, está tudo muito complicado de levar não sei dá pra continuar!

Le disse...

Um dia tentei me atirar na linha do metro..fui impedida por uma pessoa que me disse que valia a pena viver...mas a tristeza sempre ronda a minha volta....ja tomei veneno de rato e sangrei dias pelo nariz..ninguem notou..meu marido então nem se importou...ja tentei me enforcar mas a corda arrebentou,fiquei com hematoma no pescoço por dias...mas a morte..essa não apareceu...tentei parar com esses pensamentos suicidas mas as circunstancias da vida sempre me deparam com a morte..como se ela fosse a solução para meus problemas...problemas esses que nem valem a pena citar aqui!!...mas um dia se Deus quiser eu saio dessa..tenho um filho de sete anos..um marido indiferente,que me machuca com suas atitudes,me despreza,acho até que me odeia,não me valoriza,....queria tanto ser feliz!!...sei qual vai ser o meu fim..infelizmente!!!...

Anônimo disse...

Me sinto assim tb! Tentei várias vezes, na ultima vez fiquei 15 dias na UTI, nem sei direito o que aconteceu! Tomo antidepressivo mas nada adianta! Tenho um relacionamento conturbado onde minha parceira com seu orgulho se desfaz! Nem saio de casa mais! Acho que nem pra morrer presto!

Anônimo disse...

Não aguento mais, tudo, tudo que faço dá errado perdi tudo emprego, noiva, tudo, sempre estudei, sempre quis ser advogado, hoje não sinto mais vontade de nada estou vivendo por viver. Tinha uma noiva e tudo que mais queria era casar com ela, mas a vida me deu varias rasteiras e por falta de dinheiro não deu, ela foi embora para casa dos pais, com um relacionamento de 5 anos 3 foi com ela longe e sempre aguentei, nunca houve traição, ano passado quando tudo parecia que ia dá certo, tomei uma rasteira maior ainda, além de não conseguir o que queria, em termos de trabalho, que era o que ia poder fazer com que a gente casasse, eu perdi meu emprego pois para conseguir esse que citei tive que abandonar o meu e no final deu tudo errado, por depressão eu acabei terminando com ela, inventei que não amava mais, eu só queria preservar ela pq eu tava muito mal, mal mesmo, quando eu pensei que tava recuperado 3 meses depois, eu procurei ela e falei o que aconteceu e tudo que ela me diz é que pensei só em mim e que ela não me ama mais e não me quer, e de repente me vi passando por tudo de novo só que com mais força.

Anônimo disse...

eu to perdida, só não sei mais o q fazer...

DJ'ZHUS disse...

Encontrei este site ontem (22/01) e confesso que os comentários têm me ajudado a encontrar forças e motivos para tentar mais um pouco. Digo mais, não me refiro aos comentários de motivação do tipo: "vale a pena viver"... "dê a volta por cima"... "olhe ao seu redor... tem gente muito pior"... nada disso! Eu me refiro àquelas pessoas que, com grande coragem, se abrem e confessam seus sentimentos, medos, angústias, fracassos, desistências... Estou inclinado a rever todos estes sentimentos que também compartilho com os colegas que postaram – e arriscar mais! É preciso muita coragem para por fim à própria vida, por isso, estou inclinado a canalizar esta coragem em novas empreitadas, as quais, por medo, insegurança, orgulho (entre outros), não me dei a chance de realizá-las; por exemplo: trabalho numa empresa há dez anos e não suporto mais o que faço... Não suporto o local, as pessoas, as atividades, o ar, a energia... nada!! Por outro lado acabo de me formar em Gestão Ambiental, e se eu quiser migrar de área terei de me conformar com 1/3 do que ganho, atualmente. Então o que faço? Nada!!! Continuo nesta “vidinha” sem graça e mórbida! Outro exemplo? Sou evangélico de “berço” – na verdade nunca me ajustei a esta fé, mas... Faz 42 anos que me escondo atrás disto (por causa da família, por causa da esposa, por causa de mim mesmo). Há tempos gostaria de experimentar o espiritismo (mesa branca ou umbanda). Então o que faço? Nada!!! Continuo nesta inércia espiritual, sem vida, sem beleza, sem o “religare”, morto! E por aí vai... Há pelo menos mais uma dúzia de exemplos práticos que eu poderia citar, mas acho que já deu para entender, não é? Preciso me certificar que, de fato, não há mais nada a se fazer antes de “deixar de fazer”... para sempre! Abraço fraterno a todos!

Anônimo disse...

Tbm não sinto vontade de viver,não faço a menor diferença no mundo, não sou importante pra ninguem,não tenho motivos para viver,esse mundo é cruel ,frio,as pessoas nao dao valor para quem vc realmente é ,mas sim para quanto vc tem na carteira,é só exploração,desigualdade,injustiça ,sinto um vazio sem fim,nunca me senti parte deste mundo,e agora me sinto impotente,vi todos meus "amigos" me superarem e eu ficando para tras,depois de colecionar fracassos não tenho forças para lutar, quero morrer mas, sou covarde de mais para me matar. Não sou religioso,mas se existe um inferno ele é aqui,e se existir um,ninguem merece mais sofrimento.

Anônimo disse...

Na verdade ninguém quer morrer, a gente quer na verdade é MATAR o que nos FAZ mal, sendo que quando o mal toma uma proporção enorme diante dos nossos olhos, encontramos essa solução que é a mais difícil! a vida tem muitas possibilidades. Nosso cérebro está com falta de serotonina, o que causa a sensação de prazer, medicação ajuda. Mas claro que paralelamente seria bom fazer uma terapia, pois não somos só frutos de processos cognitivos, mas seres com toda complexidade, histórico e contexto.

Recomendo esse site , lá você pode conversar no chat com os voluntários, quando se sentir perdido http://www.cvv.org.br/, também tem um telefone para ligar.

E qualquer coisa também disponibilizo meu email para conversar: dudinha123@hotmail.com

Anônimo disse...

mas que coisa é essa? vou é viver... depois de ver que tem tanta gente na verdadeira merda, enxergo que meus problemas são pequenos demais!

"ouvi dizer que só era triste quem queria..."

Anônimo disse...

Com dinheiro ou sem dinheiro a vida é uma "enxaqueca crônica".A diferença é que com dinheiro podemos remediar um pouco o sofrimento e fugirmos do tédio existencial.Otimismo é coisa pra boboca e gente narcisista.Claro que não sou um pessimista absoluto com a vida, porque há coisas boas de se fazer na vida.Mas olhando a realidade da condição humana(basta olhar a história da humanidade) ha mais motivos para ser um realista/pessimista do que otimista.

Anônimo disse...

Se alguem quiser conversar pode me adc no face Mauricio Henrique(mauricinm)
whats 32 85005076

Anônimo disse...

Li vários comentários e vi que não sou a única a sentir essas coisas. Tenho essas mesmas vontades e me sinto exatamente como todos...me sinto uma inútil, imprestável, um lixo. Queria ter coragem o suficiente para acabar com todo sofrimento, mas nunca consigo. Qual a melhor decisão: 'Viver ou morrer'?

Anônimo disse...

Para todos,tudo aquilo que vivemos,é,na maioria das vezes uma consequência das decisões que tomamos,eu também muitas vezes senti vontade de terminar com meu sofrimento de uma vez.Porém,(e sempre tem um porém)percebi algumas coisas sobre minha vida e acredito que se aplique a todo mundo.Vi alguns comentários dizendo que o emprego não é bom,que a vida é sem graça,que deus nunca me ajudou e por ai vai...Bom,sofri bullying desde que me entendo por gente,era zoado e apanhava todos os dias,isso destruiu minha auto-estima,fiquei introvertido não tive amigos,não ia a festas tudo o que eu fazia parecia "conspirar contra mim mesmo",nunca tive namorada,era tímido demais,(vi um dos comentários que disse que tinha 35 e ainda não conhecia o amor,bom sou mais velho que você e estou na mesma situação,daqui a pouco vão me chamar pra fazer a continuação do filme"o virgem de 40 anos")não consegui uma boa colocação no trabalho,sempre fui um fracasso.Ai vocês pensam,agora é a hora que ele vai dizer que "deu a volta por cima"e tudo ficou as mil maravilhas e um mar de rosas.Definitivamente não,nada é facil eu aprendi isso as duras penas tomando muita porrada;não vai aparecer deus pra te ajudar,teu vizinho não vai vir te trazer um buquê de flores pela manhã e nem a Gisele Bundchen vai sair com você.Porquê? porque as pessoas são assim,o ser humano tem muito mais potencial para crueldade do que para a bondade e solidariedade.Ao longo do tempo aprendi que felicidade é um conceito relativo,por mais felizes que estejamos,nunca vamos obtê-la por completo,então decidi não levar tão a sério as coisas que davam errado para mim,decidi que a opinião das pessoas não é tão relevante,decidi que aqueles que me fizeram mal não merecem meu respeito e que eu não sou obigado a agradar ninguém,percebi que muitos dos meus problemas estavam na forma como eu julgava as pessoas e quando elas não correspondiam as minhas espectativas eu me "autoflagelava" em um acesso de autopiedade me julgando o pior dos seres viventes.Entendi que se existe chance de ser feliz de alguma forma,essa felicidade não pode estar vinculada a ninguém.Não basta uma mudança de atitude,essa mudança tem que ser interna,da sua consciência,da forma de pensar.Ninguém vai lutar suas batalhas por você,se quiser algo vai ter que conquistar com todas as suas forças,fácil?De jeito nenhum,mas é a unica maneira,se seu trabalho nao lhe agrada,demita-se,se um relacionamento te traz infelicidade,desista dele(isso vale pra qualquer tipo de relacionamento),eu gosto de pensar o seguinte,cada fracasso meu é resultado de uma decisão desastrada que eu tomei no passado,e que as outras pessoas só estão esperando um deslize desses para aproveitar-se dessa situação,então eu não vou dar esse "gostinho" à elas.E é assim que eu encaro as coisas hoje,continuo triste,continuo solitario,mas eu vou até o fim lutando,não acredito que a morte me traga alívio ou resposta aos meus problemas,apesar de nas horas mais tristes parecer a solução.Mas não é fácil trilhar este caminho,se a vida não tem sentido,a morte tem menos ainda.Abraços,fiquem em paz.

Anônimo disse...

Tenho fobia social. Não consigo assinar meu nome em papéis oficiais nem escrever com alguém olhando, é difícil conviver com isso. Fico com raiva q outras pessoas consigam, se elas forem picaretas. Como posso eu sobreviver? Já pensei em suicídio, mas nada concreto, com força. Só é difícil se sentir inútil quando se tem um semestre só pra concluir a faculdade.

Anônimo disse...

É engraçado perceber que todos que defendem o "viver" a qualquer preço, o fazem como se permanecer respirando fosse uma imposição irrevogável desde o nascimento. As pessoas não dizem"Fique pq é a vida é boa e você ainda pode aproveitar muito", elas dizem "Fique, resista, a vida é dura e TEMOS de suportar a dor". Como se a vida fosse um campo de provas, um imenso "Big Brother" no qual fomos enfiados sem escolha.

A vida tem de ser gostosa, prazerosa e um processo em que nós crescemos, nos desenvolvemos e nos realizamos. Existir biologicamente não garante que estamos vivos. Pena que alguns qdo percebem que só estão existindo, cismam que estão depressivos e negam os próprios sentimentos e percepções. Pena.

Viva se vc de fato se sente VIVO. Não fique aí apenas para mostrar PARA OS OUTROS que vc é bom é suportar tortura, dor e desespero. Isto, sim, é doentio.

Anônimo disse...

Tenho 14 anos daqui a alguns dias faço 15, vc deve da se perguntando o que uma garota tão jovem sabe sobre a vida ? talvez vc esteja certo, eu possa não saber muito mas o que eu sei esta doendo dentro de mim, sinto angustia, raiva, rejeição entre outros milhares de sentimentos, antes de sentir tudo isso eu jugava as pessoas por elas se auto-mutilarem, hoje em dia faço isso todo dia , para meus pais eu sou a filha mais nova que não se importa com nada alem de estudos é de filmes. eles não sabem o minimo de passa na minha mente todos os dias, não me abro com ninguem alem de mim mesmo, não consigo expressar o que eu sinto. Se já pensei em me suicidar ? claro que já mas não sou forte o bastante para isso e sei que não seria a melhor escolha . Então tenho que aprender a lidar com isso é viver...

Anônimo disse...

Quero morrer... sempre quis... é um direito meu! Não quero mair respirar. Me doi viver. Eu sempre fui tao indesejável.

Anônimo disse...

EU NUNCA TINHA PENSADO EM SUICIDIO ,MAS DE ALGUNS ANOS PRA CÁ ESTA IDEIA TEM ME PASSADO MUITO PELA CABEÇA,,MAS SEI QUE NUNCA VOU TER CORAGEM PRA ISSO!!NASCI NUM LAR CRISTÃO ,SOU DA ASSEMBLÉIA DE DEUS ,DESDE OS MEUS 15 ANOS EU OUÇO SOBRE O MEU "PREPARADO"ENTÃO PASSEI A SONHAR COM O DIA EM QUE IRIA ME CASAR E CONTRUIR UMA FAMILIA!SEMPRE FUI BONITA E SEMPRE CHAMEI A ATENÇÃO DE VÁRIOS RAPAZES E NA ANSIA DE QUE ESTE CARA FOSSE O MEU PRINCIPE ENCANTADO EU DEI CHANCE PARA MUITOS SAPOS,,MAS NUNCA DAVA CERTO!MAS SEMPRE TIVE JUÍZO E NÃO TRANSAVA COM NENHUM DELES!BOM O TEMPO PASSOU E EU SEMPRE SOFRENDO COM DESILUSÕES AMOROSAS ATÉ QUE CHEGUEI SEM VER AOS 31 ANOS SOLTEIRA E VIRGEM!DE REPENTE A MINHA SORTE PARECEU MUDAR CONHECI UM RAPAZ QUE ERA SIMPLESMENTE PERFEITO,TUDO COMBINAVA E ELE DEMONSTRAVA ESTAR PROCURANDO POR MIM A VIDA TODA..ENTÃO COM APENAS UMA SEMANA DE NAMORO ME ENTREGUEI PRA ELE ,,NÃO PENSEI EM NADA..E ELE PARECIA EXPLODIR DE ALEGRIA POR TER ACHADO UMA MOÇA VIRGEM,BONITA E DE BOA FAMILIA,,,MAS,,,FICAMOS JUNTOS POR 4 MESES MAS FUI FELIZ APENAS UM MES COM ELE..DO NADA ,SEM EXPLICAÇÃO TUDO MUDOU E TERMINAMOS EM JANEIRO ,,DESDE ENTÃO NUNCA ME RECUPEREI ,.FIQUEI TRAUMATIZADA HJ COM 32 ANOS NÃO TENHO MAIS ESPERANÇA DE ENCONTRAR ALGUÉM QUE ME AME COMO EU SOU!!E SOU JULGADA POR MUITOS !!NÃO ENTENDO O QUE TENHO DE ERRADO!!

Anônimo disse...

Esta frase realmente vale para mim.. será que vale a pena viver??
Sinceramente, não sei.. Já faz um tempo, aliás, bastante tempo que eu estou me sentindo muito mal, não estou conseguindo lidar com algumas situações que acontecem em minha casa, porque eu percebo que tudo vai tão bem sem mim... e quando eu apareço tudo muda, acabamos brigando porque simplesmente eu não sou NADA. Talvez pelo fato de eu ter nascido cedo demais e acabado com os sonhos de meus pais, me faz sofrer muuuito! Me sinto tão culpada por atrapalhar, por isso eu queria sumir do mundo pra eles serem felizes.. Eu não aguento mais chorar.. e não quero que ninguém mais chore!

Anônimo disse...

eu quero morrer!

se alguem REALMENTE compartila a mesma vontade minha me mandem email para nos conhecermos

vitoryato@gmail.com

Anônimo disse...

para anônimo que postou em 05/04 as 19:12 querida não se sinta culpada por nascer ,seus pais podem não terem planejado o seu nascimento mas com certeza você estava nos planos de Deus!!e honestamente você morrer não vai melhorar e nada a vida deles !sei que só vc sabe como está se sentindo e as vezes parece mesmo que estamos neste mundo desamparados mas levante a cabeça e tente enxergar um final feliz pra você!!bjos querida Deus te ama!!

Anônimo disse...

cansado de tudo, lutar para chegar a nenhum objetivo, apenas respirar, comer, mostrar nada a não ser tudo o que a sociedade quer ver. não sei qual o objetivo da minha estadia neste mundo. afinal tudo passa mas já estou a demasiado tempo neste mundo.

Anônimo disse...

Tenho14anos ,só que não vejo mais sentido na vida meus pais são legais só que eu só do desgosto pra eles,ja tentei me suicidar 3vezes mais a coragem vai embora e o medo vem a tona ,as pessoas dizem que quem se suicida vai pro inferno tenho medo de me matar e não encontrar a paz que eu tanto procuro.E se for verdade essa coisa de inferno no final talvez,lá seja melhor que aqui.

Anônimo disse...

a terra pode ser o inferno.

eu não acredito no inferno, mas se ele existir eu não vou pra lá mesmo me matando. porque eu estou sofrendo. e se Deus existir eu tenho certeza que ele irá me perdoar.

talvez a terra seja o inferno e nós só alcancemos o paz quando morrer. eu estou disposto a me matar e correr o risco.

boa sorte aos outros.

Anônimo disse...

Olá pessoal, como todos aqui eu também já questionei se realmente vale a pena viver num mundo cheio de injustiças sociais, fome, doenças, poluição geral: rios, mares, florestas etc etc, guerras horríveis ao longo da história, discriminação e por ai vai. Ou homossexual desde que me conheço por gente e desde que me conheço por gente fui discriminado e ridicularizado por amigos de escola, amigos de infância, adolescência e o pior: pela minha família. Não sou do tipo afeminado nem escandaloso, apenas não consigo esconder de ninguém o que sou. Aos 23 anos sai de casa e fui morar com um rapaz ao qual amei muito. Para o meu desprazer, ele nunca me respeitou e sempre se aproveitou de mim financeiramente e psicologicamente. Sai do inferno e fui morar na casa do capeta. Tive bons momentos na vida, não posso negar. Tive a oportunidade de conhecer a Europa e Estados Unidos, mas sempre trabalhando como um burro de carga. Aos 31 anos descobri ser soropositivo, qdo li o resultado do exame, sai do laboratório e não sabia para onde ir. Fui para casa e ajoelhei-me diante da imagem de Nsa Sra Aparecida e pedi para que ela me salvasse. Acho que ela me ouviu porque estou vivinho até hoje. E olha que eu não me cuido nada bem: fico acordado até de madrugada, fumo feito uma caipora, adoro sexo (sempre que possível é claro). Já perdi as contas de quantos amigos já perdi vitimas dessa doença horrorosa. O ultimo que perdi foi o rapaz com o qual eu fui morar quando sai de casa. Mas acho que não foi de aids não, porque a família dele não me convidou sequer para ir ao velório. Eu vivi com ele por 25 anos e não pude me despedir dele. Isso porque a família dele sempre me dizia que me adoravam. Quantas pessoas que eu achava que não representavam quase nada pra mim e que já se foram, hoje eu sei o quanto eu as queria bem. Vejam bem, eu não contei nem 50% dos dessabores que tive durante a vida, pois acho que isso daria um livro de umas 1.000 páginas. As coisas que mais me magoaram, eram os olhares de nojo que meu pai me lançava (geralmente no Natal quando eu já não morava há muito tempo em casa) e recentemente quando minha irmã veio me visitar e ficou em casa por uns 21 dias, me disse antes de ir embora que tinha nojo de homossexuais. Acabei me mudando para a Praia Grande (um sonho antigo de morar na praia). Hoje sou aposentado e vivo num apartamento até que bem arrumadinho (de aluguel). Para complementar minha renda, trabalho de faxineiro de dois condomínios. Consigo até que viver razoavelmente bem aqui. Mas sabem o quanto é bom acordar cedo, pegar a bike, e ir trabalhar? No trajeto, eu vou pela ciclovia, observando aquele marzão lindo e azul? Os dias de folga (quarta, sábado e Domingo), arrumo minha casa, e quando não vou a praia, ponho minha cadeirinha na areia (só eu e Deus), e vou nadar, longos mergulhos. Observo a natureza, a grandiosidade do mar azul, os pássaros e tudo mais. Várias vezes fico pra ver o por do sol e penso: obrigado Deus meu por mais esse dia.
Não quero ser piegas e dizer que não sinto tristeza como todos. As vezes tenho vontade de enforcar algumas pessoas, mas penso como eu ficaria triste se elas fossem embora. Afinal de contas estamos todos no mesmo barco furado.... Viver é difícil, não sabemos de onde viemos e nem o que estamos fazendo aqui..., mas o que isso importa? Eu sinto que um dia tudo isso será explicado e a resposta para todas as nossas perguntas viram com certeza. Acredito que estamos aqui por algum motivo e que um olhar doce e amoroso de um amigo de distante mundo nos observa e nos aguarda. Depois que eu passei por tudo que passei e ainda estou aqui a única coisa que me vem a cabeça agora: Obrigado Deus meu por essa vida maravilhosa que o Sr me concedeu. Sofri tanto para ser quem sou hoje, a ponto de saber que tudo valeu a pena e que já não me alegro e nem me entristeço a ponto de entrar em desespero, pois sei que é tudo passageiro e a vida, uma grande viagem.
Deus ilumine a todos vocês.

Anônimo disse...

ta Difiicill,, ADEUS MUNDOOOOOOOOOO..FAZ EFEITO REMED

Anônimo disse...

meu deus espero que a pessoa do ultimo comentário esteja bem...

Anônimo disse...

bom sempre me senti uma merda apos ter sido abusada quando criança,não consigo se quer amar alguem ou mesmo abraçar meus pais meus irmãos sem sentir nojo do meu proprio corpo.eu me sinto sozinha e ultimamente só penso em suicidio pois mau saio de casa e nem se quer interajo com outras pessoas direito,não sou muito boa em fazer amigos e mau consigo conversar com alguém direito..sou do tipo muito solitaria e estou cansada de viver num mundo alternativo.eu queria poder viver mais porem estou me entregando pouco a pouco para morte...

Anônimo disse...

eu quero ajuda ja comentei duas vezes me chamo samara forte alguem por favor fale comigo pelo face e me ajudem a decidir o que realmente seria o certo se devo me matar ou realmente procurar ajuda pra minha depressão não consigo mais lutar comigo mesma

Anônimo disse...

Eu não acredito em deus, mas acredito no inferno pois ele é o próprio mundo em que "vivemos!"

Anônimo disse...

Também vou suicidar rapidinho. Só arrumar alguns documentos de bens a serem legados, pois não aguento mais a solidão. Maldita solidão que me acompanha.

Anônimo disse...

Olá

Tenho Bipolaridade afetiva e sofria um existencialismo terrivel.
Eu tinha ataques de ansiedade e ondas de calor e frio diarias e minha mente não parava um momento para descansar. Apesar de muito filosofar era muito dificil levar uma vida normal.

Fiz anos de terapia, que pouco me ajudaram
O que eu vim dizer é que hoje estou 90% bem em relação a antes. Tudo que eu fiz foi procurar um PSIQUIATRA. Nosso corpo é como uma maquina, se falta um tipo de fluido, compromete todo o resto. Antes de pensar em se matar dê uma chance a ciencia! Ela esta muito avancada e tenho certeza que pode mudar a forma que voce enfrenta a vida!

Tomo remedios de depressao e estabilizador de humor e hoje vivo normalemente, como uma doenca qualquer, como diabetes.

Fica a dica.. procure um psiquiatra e aceite a medicação!

Abraços

Anônimo disse...

Eu queria me matar, fui a um psiquiatra que me tratou com homeopatia, não funcionou. Fui em outro que me deu remedios fortes, e eu fiquei bem e hoje vivo melhor do antes de ter a crise.. #ficaadica

Anônimo disse...

Parece que quando olho nas redes sociais, as pessoas viajam mais.. tem mais amigos... tem mais momentos felizes... ou até resumidamente "aproveitam melhor a Vida" . Me sinto apequenado, como alguém que desperdiçou, desperdiça e desperdiçará a vida.
Meu emprego paga pouco em relação aos cursos que já fiz e minha família praticamente me sustenta até hoje, mesmo fazendo quase 28 anos de idade. Porque sempre acho que os outros estão APROVEITANDO mais que eu? Me ajudem!!!! a dor é forte (me sinto um fardo)

Daniele Fernanda disse...

A dor que vive e se alimenta dentro de nós, ela é maior do que parece, do que nós mesmos podemos enxergar. Quando ela consegue te agarrar, vai te devorando aos poucos, devorando a sua existência, tal como o alimento mais sublime e forte para revigora-la e a ajuda-la a acabar-se mais com você. Tive diversas tentativas de suicídios, consequências como: diarreias intermináveis, dores constantes pelo corpo, inicio de overdose, paralisia corporal e internação psiquiátrica. A depressão, tal como minha grande companheira nessa jornada, resolve as vezes viajar e me esquecer por um tempo, mas quando volta, volta com toda a tempestade que se escondeu debaixo dos tapetes. Agora, ela resolveu me visitar. Trazendo-me sofrimentos inestimáveis e pensamentos incontroláveis, surgindo quase que instantaneamente em minha mente. A vida? Não consigo senti-la mais entre os meus dedos, mais entre o meu corpo. De manhã, eu levanto e monto a minha própria face. Olho para a vida sem entender qualquer motivo existente, mas levo a mentira e a ilusão em meu olhar para que aqueles que me rodeiam, o que são poucos, possam achar que está tudo bem, quando nada está. As cicatrizes que vivem em meus braços, não latejam tanto como a dor que se gera dentro de mim. Eu não sei como serão os próximos dias. Minha família não tem condições de me internar novamente e muito menos a força e o entendimento exato e racional para poder me manter firme. Agora eu já não tenho ninguém, nem a mim mesma. Ajuda? Você encontra em todos os lugares, mas quando tua visão começa a se embaçar e as barreiras começam a crescer entre a porta de saída do teu quarto... meu doce, amigo, grite! Grite e torça para que alguém te escute e te salve de lá, pois agora, eu, aos meus 15 anos, me encontro com sangue em meus braços, a pertubação em minha mente e a morte em meu coração e não há ninguém que consiga escutar os meus gritos, a minha dor, a minha existência.

Anônimo disse...

tudo começa com uma paixão, que vira traição e vira obsessão, amar a melhor amiga de minha mulher, e depois ter um caso por nove meses, e ficar totalmente apaixonado, ai descobrir que não pode continuar e que a pessoa que voce mais amou na vida não pode ser sua, para alguns parece pouco o motivo, mas para quem vive isso, parece que só tem uma solução sair desse mundo de vez, sou cristão, casado bem sucedido, mas nada disso me conforta, só sinto a perda e a decepção de não ter ao meu lado quem eu quero, me sinto um fracasso por isso, e doi muito e todo dia no meu serviço penso em pular do mais alto da torre que trabalho, penso em comprar uma arma e atirar e acabar logo com isso, mantenho meu casamento ainda, e preservo a amizade com a pessoa, mas por dentro estou morto, não sei onde isso vai acabar...

Anônimo disse...

Olha, a situação não é nada boa. Tenho fobias sociais medo de luzes e balões coloridos, me sinto culpado, fragilizado, sou infeliz, anti-social, bucólico, faço uso de diversos fármacos e narcóticos além do álcool, mesmo tendo sofrido bullying na infância e parte da adolescência, acredito que minha baixa confiança e auto-estima sejam uma falta de caráter e vergonha na cara da minha parte, sou desinteressado, marginalizado, frustrado e revoltado, estou escrevendo um livro que conta a estória de um sujeito que vive neste mundo maluco e acaba se matando, então, é recebido como um herói no além vida pois fica sabendo que a vida não passa de um teste em que o verdadeiro objetivo é o suicídio, diante de uma vida tão massacrante. Estou prostrado, esculhambado, minha família me esculacha diariamente não consigo ser indiferente, todos riem do que eu falo e eu me sinto um verdadeiro palhaço a grande gozação da humanidade o ultimo a saber das coisas e isso não tem graça, a minha desgraça. Maldito seja o anjo torto que gargalhou naquele inverno que eu embarquei nesse inferno, a recordação da felicidade já não é felicidade, a da dor ainda é dor. ADEUS MUNDO CRUEL.

Postar um comentário

Deixe aqui seu recado ou depoimento, de forma anônima se preferir. Respeitamos a sua opinião, por isto recusaremos apenas as mensagens ofensivas e eventuais propagandas. Volte sempre!

REGRAS PARA COMENTÁRIOS:

O espaço de comentários do Blog Quero Morrer é essencialmente livre, mas pode ser moderado, tendo em vista critérios de legalidade e civilidade. Não serão aceitas as seguintes mensagens:

1. que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
2. com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
3. com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;
4. com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
5. de cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;
6. que caracterizem prática de spam;
7. são aceitos comentários anônimos, contanto que não infrinjam as regras acima.

Confira outros artigos

2leep.com

FÓRUM

Desisti do suicídio

Deixe aqui seu depoimento. Ajude pessoas que sofrem da mesma agonia a entender como é possível deixar o lado negro da vida. Participe.

Pensando na morte
Fale francamente. Se você pensa na morte muito mais do que na vida e não vê uma saída para seu desespero, para sua dor e para sua solidão, porque a morte lhe parece uma solução? Participe

AJUDE A MANTER ESTE ESPAÇO

A REDE QUERO MORRER não é vinculada a qualquer entidade pública ou privada e nossa página é mantida por voluntários. Não veiculamos anúncios até outubro de 2012, mas as doações se mostraram insuficientes para manter as despesas de manutenção. Saiba mais.

A Morte

A Morte
Quando passamos a pensar na morte como um amigo próximo e querido... Um "amigo" que jamais será amado, mas que nos acompanha dia e noite. Um amigo que precisamos conhecer melhor... (clique na imagem)

O sentido da vida

O sentido da vida
Todos já nos pegamos, ainda que uma única vez, pensando no sentido da vida. Na dinâmica dos acontecimentos e no papel que cada um tem (ou não) diante da própria jornada e das pessoas que estão à sua volta. Pois, você sabe ou pensa que sabe ?! (clique na imagem)

Tristeza

Tristeza
Hoje amanheci com uma dor no peito e uma agonia indisfarçável. Não tenho vontade de fazer nada. Não tenho mais vontade de viver. Estou triste e gostaria de ficar sozinho. Só não sei se este é um caminho sem volta... (clique na imagem)

  ©QUERO MORRER - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo