VIDA E MORTE : ÚLTIMA POSSIBILIDADE DO AMOR


— Vocês têm uma forte ligação porque são almas-gêmeas.

Eu não sabia como absorver aquilo, como reagir. Eu já ouvira a frase, é claro, mas apenas das maneiras mais banais, dentro do contexto de baladas triviais e poesia.

— O que isso significa, literalmente — Albert disse — é que vocês possuem o mesmo comprimento de onda, a aura de vocês vibram juntas.

Mesmo assim, não tive nenhuma reação. De que adiantava saber aquilo se em nada ajudava Ann?

— Foi por isso que você se apaixonou tão rapidamente por ela quando a encontrou na praia naquele dia — Albert prosseguiu. — Sua alma comemorava uma reunião com ela.
Só consegui olhar para ele. De algum modo, a notícia não me surpreendeu. Nunca fui supersticioso em vida. Ainda assim, sempre insisti com Ann que não nos encontráramos por acaso.

Entretanto, de que adiantava saber disso?
— Por isso você queria tanto ficar com ela depois da sua morte — Albert disse. — Por isso você nunca parou...
— Então, foi por isso que ela sentia uma ligação tão forte — interrompi-o. — Ela tinha de se matar. Para se unir a mim, para alcançar aquela união de novo.
— Não — Albert balançou a cabeça. — Ela não fez isso para se unir a você. Como poderia, se ela não acreditava que isso era possível? — Ele balançou a cabeça de novo. — Não, ela se matou para dar fim à existência dela, Chris. Assim como ela acreditava que sua existência terminara.
— Para pôr fim à dor dela, Albert.
— Certo, a dor dela — ele disse. — Mas não era ela quem devia tomar essa decisão. Você não entende isso?
— Sei que ela estava sofrendo. É tudo o que sei.

Ele suspirou. — É a lei, Chris, acredite em mim. Ninguém tem o direito...
— De que adianta saber tudo se não me ajuda a encontrá-la — interrompi-o, tristemente.
— Porque — ele disse — como vocês são almas-gêmeas, fui autorizado a continuar ajudando você, apesar das minhas reservas.

Olhei para ele, confuso. — Se ela não pode ser encontrada... — Eu me calei, desesperançado, uma súbita visão turvando minha vista, nós dois, como navios-fantasmas do espírito, vagando eternamente em busca de Ann. Era o que ele queria dizer?— Ainda há uma última alternativa — ele disse. Ele colocou a mão sobre meu ombro. — Uma angustiante possibilidade.

Trecho do livro : Amor além da vida - Richard Matheson

Artigo relacionado:
Amor Além da Vida agora em livro

Compartilhe:

5 comentários :

  1. Então veja isto: A trabalhar mas sei que o meu contrato chega ao fim dentro de 3 meses sem renovação. O dinheiro que ganho não chega para sustentara mim e a minha familia. Sair de casa é a solução pois a mãe tem mais chances sozinha do que me ficar a alimentar e pagar as contas. Mas saindo de casa é ir direito para um beco. Sou homem licenciado, culto e a ideia do suicidio é para mim uma solução e solução para os outros. Já tentei uma vez e não consegui pois expus-me muito. Deveria ter tomado todos os comprimidos longe da vista de alguém e não no meio da cidade onde me socorreram. Foi pena pois não tinha andado neste sofrimento à mais de 1 ano. Imagine o que ter sido director de empresas sempre e agora estar num emprego merdoso a receber ordens de incompetentes e ter de dizer "sim senhor". Imagine o que é ter que me levantar todos os dias assim... tem coragem de dizer que o suicidio não é solução?

    ResponderExcluir
  2. Muitas vezes a gente acha que a morte é a melhor solução,mas pensem comigo,vc tirando sua vida,ficará a dor de quem o ama,pais,irmãos,filhos,esposas,amigos,enfim todos de quem o ama e quem vc ama,e se vc tiver um filho pequeno,não ira entender,ira perguntar de vc,e ficara aquele vão na infancia e ficara aquela incognita do que aconteceu com o pai/mãe que ele tanto ama,por isso meus caros leitores,nem sempre a morte é a melhor solução,hoje em dia a gente da muito valor para bens materiais,e acaba esquecendo da simplicidade da vida,não estou falando de RELIGIÃO mas sim da essencia de nossa existencia,pegunte-se para vc mesmo,se status,mesa farta,dinheiro,dentre outras coisa que a gente acha que nos traz felicidade realmente compensa,a falta de amor,felicidade,de verdade,de sabedoria...Hoje meus caros não se precisa de muito para ser feli,conheço muitas pessoas que passaram a vida toda trabalhando duro,esquecendo-se da familia,para adquirir,casa boa,carro do ano,status,coisas que dizem ser para o bem estar,depois que adquiriram tudo,ficou aquele vazio...E eu uma vez lehs perguntei,vc passou a vida toda trabalhando,muitas vezes deixando de curtir com a familia,os filhos cresceram e vc nem viu seus primeiros passos,e o que vc adquiriu com tudo isso!E esta pessoa me respondeu,uma boa casa,um bom carro,status,e dinheiro,e agora o que vc vai fazer,ja que adquiriu tudo,ele pensou e disse,curtir com minha familia,mas os filhos ja estavão grandes e casados,e a esposa ja cansada....

    ResponderExcluir
  3. CONTINUANDO...e acostumada a ficar sozinha já não dava mais bola para isso,resumindo...Nós passamos a vida toda trabalhando para alcançar nossas metas,e quando conseguimos,as metas materiais,fica aquele vazio de fracasso,pois fracassamos com nosso entes querido...Por isso meu caro,não pense em desistir de tudo perante as dificuldades financeiras,não é vc tirando a sua vida que ira resolver tudo,tente erguer a sua cabeça e enfrentar as dificuldades com dignidade e sabedoria...NOTA...De que adiante vc tirar sua vida por causa de falta de dinheiro,se ficará para tras as contas do caixão,do velório,vc tem que pagar u BURACO que vc vai se enterrado...Cara viva a vida como vc pode,ela é assim cheia de altos e baixos....Seja feliz com o que vc tem,não fique almeijando coisas supérfolas,tente ver o por do sol,ao lado de quem ama,vá ao parcão fazer uma caminhada...Simplesmente seja FELIZ....

    ResponderExcluir
  4. Ola, axei seu blog por um acaso, e gostei muito deste post em, especial lembrei no meu esposo ele faleceu a 5 anos atras, foi assaltado.Até hjsinto ele muito proximo a mim, procuro não pensar coisas negativas para não atrapalhar a vida espiritual dele,sabe eu o amo muito ainda as vezes me pego a chorar de saudades mais bm lá no fundo sei q ainda iremos nos encontrar.Aiai viu, me alonguei no comentario, mais enfim adorei ter lido gostei muito do poema, vou posta-lo em meu orkt. Até mais, foi um prazer.
    (3/12/2009 16:58:07)
    Criz (crizviana@hotmail.com)

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu recado ou depoimento, de forma anônima se preferir. Respeitamos a sua opinião, por isto recusaremos apenas as mensagens ofensivas e eventuais propagandas. Volte sempre!

REGRAS PARA COMENTÁRIOS:

O espaço de comentários do Blog Quero Morrer é essencialmente livre, mas pode ser moderado, tendo em vista critérios de legalidade e civilidade. Não serão aceitas as seguintes mensagens:

1. que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
2. com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
3. com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;
4. com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
5. de cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;
6. que caracterizem prática de spam;
7. são aceitos comentários anônimos, contanto que não infrinjam as regras acima.

 
Copyright © QUERO MORRER. . OddThemes